Dieta balanceada: Afinal, o que isso significa?

31 de março, 2020

Muito se ouve falar sobre os benefícios de seguir uma alimentação equilibrada. Mas, afinal, o que é exatamente ter uma dieta balanceada

De modo geral, uma alimentação balanceada é aquela que fornece ao corpo os nutrientes necessários para funcionar corretamente. Assim, para obter a nutrição adequada, você deve consumir a maioria de suas calorias diárias em:

  • Frutas frescas;
  • Vegetais frescos;
  • Grãos integrais;
  • Leguminosas;
  • Oleaginosas;
  • Gorduras boas, como azeite de oliva e salmão;
  • Proteínas magras.

Por que uma dieta balanceada é importante?

Uma dieta equilibrada é importante porque os órgãos e tecidos precisam de nutrição adequada para funcionar de maneira eficaz. Portanto, sem uma boa nutrição, o corpo é mais propenso a doenças, infecções, fadiga e mau desempenho. Crianças com dieta pobre correm o risco de problemas de crescimento e desenvolvimento e baixo desempenho acadêmico. Ainda, maus hábitos alimentares podem persistir pelo resto de suas vidas. 

Dessa forma, os níveis crescentes de obesidade e diabetes pelo mundo são exemplos dos efeitos de uma dieta pobre e da falta de exercício. Além disso, doenças cardíacas, câncer e acidente vascular também estão relacionados à alimentação. 

Leia também: Como montar uma lista de compras saudável

Descubra se seu peso está saudável Em minutos, você saberá se seu peso atual é saudável, com a ajuda grátis da Vitat.

Como alcançar uma dieta balanceada

No centro de uma dieta balanceada estão os alimentos com alto teor de vitaminas, minerais e outros nutrientes. Portanto, os seguintes grupos de alimentos são partes essenciais de uma alimentação equilibrada: 

Frutas

Além de ser uma ótima fonte de nutrição, as frutas fazem lanches saborosos. São ricas em açúcar. Porém, como o açúcar é natural, ainda podem ser uma escolha melhor para você do que outros alimentos com açúcar adicionado e adoçantes. 

Vegetais

Legumes e verduras são fontes primárias de vitaminas e minerais essenciais. Verduras escuras e folhosas, como couve e espinafre, geralmente contêm mais nutrição e podem ser consumidas em todas as refeições. Comer uma variedade de vegetais o ajudará a obter os nutrientes abundantes que eles fornecem.

Leia também: Dieta: 40 alimentos baratos e saudáveis

Grãos integrais

Grãos integrais são selecionados usando todo o grão, incluindo a casca. Eles fornecem muito mais nutrição que sua versão processada. Assim, tente mudar de pães e massas feitos com farinha branca para produtos e ingredientes integrais.

Proteínas

Carnes e feijões são fontes primárias de proteína, um nutriente essencial para o desenvolvimento muscular e cerebral adequado. Carnes magras e com baixo teor de gordura, como frango, peixe e certos cortes de carne de porco e bovino são as melhores opções. Assim, remover a pele e aparar qualquer gordura visível é uma maneira fácil de reduzir a quantidade de gordura e colesterol nas carnes. 

Nozes e leguminosas são boas fontes de proteína e contêm muitos outros benefícios à saúde, além de fibras e outros nutrientes. Portanto, tente comer também:

  • Lentilhas
  • Feijões
  • Ervilhas
  • Amêndoas
  • Sementes de girassol
  • Nozes
  • Tofu
  • Tempeh

Gorduras boas

Estamos acostumados a ouvir que as gorduras são grandes vilãs do aumento de peso, mas esse conceito está, aos poucos, ficando ultrapassado. É verdade que são calóricas e algumas podem causar malefícios para a saúde se ingeridas em excesso. No entanto, as gorduras desempenham funções importantes para o organismo. Assim, as gorduras boas são as que chamamos de insaturadas, provenientes da natureza. Como: 

Leia também: Maneiras fáceis de tornar a alimentação saudável mais barata

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.