Você sabe fazer um ovo perfeito? Confira dicas de um chef!

8 de outubro, 2021

Quem disse que para fazer um simples ovo mexido, não é preciso técnica? Apesar de ser muito fácil preparar o alimento, nem todo mundo conhece os truques certos para deixá-lo muito mais delicioso. Será que você sabe quais são? No Dia Mundial do Ovo, chef de cozinha ensina receitas de ovo perfeitas! Confira:

Benefícios do ovo

Ele já foi considerado vilão de uma alimentação saudável por supostamente aumentar os níveis de colesterol no sangue. Mas já teve sua redenção: hoje, a ciência sabe que o ovo pode trazer inúmeros benefícios para a nossa saúde.

Quem é fã de musculação, por exemplo, costuma incluir esse alimento no cardápio. Isso porque ele é rico em albumina, um tipo de proteína importantíssimo para o ganho de massa muscular.

Além disso, ele carrega vitaminas A, D, E e B12, benéficas para os olhos, a pele, os ossos e até a memória.

Leia também: Prepare os ovos mexidos mais gostosos

O ovo para a gastronomia

“O ovo é um dos assuntos mais importantes para a gastronomia graças à variedade de técnicas e à versatilidade desse ingrediente na cozinha. Afinal, muitas receitas nem seriam possíveis sem as qualidades de emulsificar, de arear e de engrossar do ovo”, explica o chef Gustavo Pereira.

Sua característica “curinga” o faz ser usado tanto em receitas doces quanto salgadas. “Ele pode ser o ingrediente principal, uma entrada, um acompanhamento, uma sobremesa…”, diz o especialista.

Costuma ingerir ovo todos os dias? Confira, então, diferentes receitas para sair da mesmice — e dicas para deixar os preparos mais saborosos:

Receitas de ovo: Como preparar um prato perfeito com ele

Ovo pochê

Coloque água e um pouco de vinagre branco em uma panela e leve ao fogo. Quando o líquido começar a ferver, pegue uma colher e faça movimentos circulares na panela, como um redemoinho. Quebre o ovo em uma vasilha e despeje, em seguida, no centro do redemoinho com cuidado (a gema deve ficar intacta).

Diminua o fogo e deixe o ovo por exatos quatro minutos, até a clara cozinhar e a gema adquirir uma cor bem viva. Retire e tempere com sal.

Dica do chef: “Antes de fazer o ovo pochê, ferva o ovo por 10 segundos dentro da casca para manter a clara mais firme dentro da gema.”

Leia também: Ovos: Como fazer e receitas

Receitas de ovo: Ovos Beneditinos

A receita americana consiste em um carboidrato (que pode ser um muffin inglês, um brioche, uma torrada ou, então, um simples pão) coberto com um ovo pochê, uma tira de bacon (lombo canadense ou presunto também funcionam) e um pouco de molho holandês.

Ovos Florentine

Nesta variação mais saudável dos ovos beneditinos, o bacon é substituído por espinafre branqueado (cozinhar em água fervente e depois resfriar em água com gelo). “Você pode acrescentar salmão defumado e cogumelos salteados na manteiga também”, recomenda o chef Gustavo Pereira.

Receitas de ovo: Ovos Fritos

“Sempre procure fritar os ovos com óleo novo, pois os reutilizados deixam a comida mais gordurosa. Opte pelo óleo de canola e coloque bem pouco”, aconselha o profissional. De acordo com ele, o segredo é preaquecer uma frigideira antiaderente por três minutos, colocar o ovo e tampar (de preferência com uma tampa de vidro). O vapor quente vai cozinhar a clara e não deixar a gema endurecer.

Após um minuto, retire a frigideira do fogo e deixe o ovo por mais alguns instantes para a clara terminar de cozinhar. Se você gosta da gema mais dura, deixe por mais 1 minuto.

Dica do chef: “Antes de tentar virar o alimento, aqueça a espátula para que a base do ovo não grude.”

Leia também: Gracyanne Barbosa e a dieta low carb: “Como 40 ovos por dia”

Ovos Cozidos

Sempre use ovos em temperatura ambiente. O ovo cozido é uma ótima opção, uma vez que não leva óleo e é fácil de fazer. Se o objetivo for uma gema mais cremosa, deixe o ingrediente na água fervente por sete minutos. Por outro lado, para uma gema mais durinha, são necessários 10 minutos. “Já para quem gosta da gema mole, o famoso ovo mollet, o ideal são cinco ou seis minutos”, diz Gustavo.

Dica do chef: “O segredo está em colocar o ovo com delicadeza para não trincar a casca. Mergulhe o ovo com a ajuda de uma colher e abaixe o fogo. Se achar melhor, pode fazer um furinho com uma agulha na base e adicionar gotas de limão na água para manter a casca sem rachaduras.”

Receitas de ovo: Ovos Assados

Coloque os ovos em ramekins untadas com manteiga e junte duas colheres (sopa) de creme de leite. Por fim, coloque sal e pimenta-do-reino. Tampe e asse em banho-maria a 180°C por 8 minutos.

Omelete

Use panelas antiaderentes. Para aproveitar a sensação de saciedade que o ovo traz, incremente a receita com cogumelos, legumes e queijos magros.

O chef aconselha quebrar os ovos em uma tigela, adicionar leite e sal a gosto e mexer tudo com a ajuda de um garfo. Depois, preaqueça uma frigideira, adicione a mistura e mexa sempre com uma espátula, raspando o fundo e as laterais com movimentos circulares para que o ovo não fique parado.

Quando a omelete ganhar textura e você conseguir ver o fundo da frigideira ao raspar, já pode começar a fechar. A técnica consiste em inclinar a frigideira para que a omelete escorregue para o lado. Com ajuda da espátula, feche a outra beirada da omelete.

Leia também: Ovo de pato: Para que serve e como consumir ovos de pata

Mais dicas para suas receitas de ovo ficarem perfeitas

  • Coloque os ovos na geladeira assim que chegar do supermercado;
  • Conserve-os longe de alimentos com cheiro forte;
  • Para saber se o ovo está bom, coloque-o em um copo com água fria. Se ele boiar, descarte. “Quanto mais velho, mais leve o ingrediente fica porque perde água pela casca”, explica Gustavo;
  • Quebre o ovo em um bowl separado em vez de quebrá-lo direto na panela ou na receita — isso porque se ele estiver estragado, você não perde o preparo;
  • Ao lavar o ovo, você diminui seu prazo de validade e aumenta o risco de contaminação, uma vez que a proteção superficial da casca é eliminada;
  • Ovos com cascas rachadas devem ser descartados, pois eles podem estar infectados com o vírus da salmonela;
  • Se for separar a gema e a clara, deixe os ovos bem gelados. Desse modo, o processo ficará mais fácil.

Fonte: Gustavo Pereira, chef e dono da Partager Buffet e gastronomia.