Como organizar a cozinha para ajudar no emagrecimento

No processo de emagrecimento, pequenas mudanças podem fazer a diferença. E, uma medida simples que pouca gente leva em conta pode ser decisiva: a maneira de organizar a cozinha.

A disposição dos alimentos, como a comida é preparada e até mesmo estocada são fatores que atuam na perda de peso. Organizar ainda pode tornar todo o ambiente mais agradável e espaçoso.

Como organizar a cozinha a favor do emagrecimento

O que os olhos veem, a boca come

A organização da cozinha impacta no emagrecimento especialmente na forma como os alimentos são dispostos no ambiente. A princípio, é importante manter à vista os alimentos que você irá consumir com mais frequência. Portanto, sobre o balcão ou sobre a mesa, mantenha a base da sua dieta.

Deixar as frutas à vista, por exemplo, é uma boa ideia. Sendo assim, quando a fome bater, elas serão sua primeira escolha. O mesmo vale para os alimentos que você quer evitar: mantenha-os fora do seu campo de visão para não despertar a vontade.

Temperos são sempre uma boa ideia

Além de incrementarem as refeições, dando um sabor extra, os temperos naturais são também ricos em boas propriedades. Geralmente são compostos de vitaminas, minerais e propriedades antioxidantes. Por exemplo, a pimenta é termogênica e, por isso, ajuda na perda de peso, assim como a canela e o gengibre. Já a cúrcuma, ajuda a manter a imunidade fortalecida.

Leia mais: Temperos e ervas naturais que podem substituir o sal na cozinha

Reorganize a geladeira

Muitas vezes, o tempo passa e mantemos alimentos unicamente pela falta de organização da geladeira. Por isso, é importante que de tempos em tempos você reorganize o seu refrigerador e mantenha nele apenas os alimentos que realmente irá consumir. Dessa forma, é possível evitar que alimentos “de fora da dieta” continuem por perto e possivelmente sabotem o processo de emagrecimento.

Leia também: Alimentos que não devem ser guardados na geladeira

Estabeleça horários para as refeições

Dentro de casa é muito fácil se perder nos horários e fazer as refeições em qualquer hora do dia, sem muito planejamento. Entretanto, isso pode ser um empecilho se houver o desejo de emagrecer. Por isso, é importante manter uma rotina e ter os horários das refeições previamente planejados. Isso ajuda o metabolismo a funcionar melhor.

Leia também: 6 hábitos que fazem o metabolismo queimar (mais) gordura

Faça substituições saudáveis

O hábito de consumir bebidas como os refrigerantes é muito comum. Porém, sua grande quantidade de açúcar e conservantes podem prejudicar muito a saúde e atrapalhar o emagrecimento. Outros alimentos ricos em sódio e doces também devem ser evitados, portanto, mantidos fora da cozinha. Você pode usar o momento de organizar a cozinha para repensar seus hábitos e rever a necessidade de comprar itens industrializados e processados.

  • No lugar dos refrigerantes, adicione os sucos naturais à sua rotina
  • Frutas são também ricas em açúcar (frutose), o que pode ajudar a saciar a vontade do sabor doce – a tâmara é uma excelente opção
  • Invista em receitas de doces saudáveis

Planeje suas refeições

Sabemos que às vezes não dá tempo de preparar a comida com calma, por isso uma boa opção é cozinhar tudo quando você pode e dividir em porções para o dia a dia. Além disso, a fome acaba influenciando decisões impulsivas e não tão saudáveis. Tente não deixar suas escolhas para quando tiver fome. 

Defina a sua alimentação com antecedência, reserve um momento para planejar a sua semana e tente optar por cozinhar alimentos naturais. Talvez você até se surpreenda com um tempo extra, livre pra aproveitar como quiser. 

Não é do time que cozinha? Sem problemas! Planeje-se comprando marmitas saudáveis e congeladas para ter suas refeições sempre na mão, ou escolha um restaurante do qual gosta e que faça uso de ingredientes mais saudáveis e naturais, para comprar a maioria dos seus pratos.

Leia mais: Consumo de refrigerante pode levar à morte prematura

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo