Soneca de 30 minutos melhora a memória e a produtividade

Bem-estar Sono
17 de Março, 2023
Soneca de 30 minutos melhora a memória e a produtividade

Tirar cochilos curtos durante o dia, de 30 minutos, ajuda a melhorar a memória e a aumentar a produtividade. A constatação é de uma pesquisa do Centro de Sono e Cognição da NUS Medicine, nos Estados Unidos. O estudo avaliou se existe uma duração recomendada para que a soneca proporcione, de fato, um equilíbrio e traga um benefício significativo. Assim, os resultados foram publicados na revista Sleep, uma das mais importantes na área de medicina do sono.

As sonecas são tempos de sono que ocorrem fora do período noturno principal, e são diferentes de um episódio de sono incontrolável e não intencional.

Leia também: Bons hábitos de sono podem aumentar expectativa de vida em até 5 anos

Como funcionou o estudo

Para descobrir os possíveis benefícios desses cochilos no meio do dia, os pesquisadores avaliaram as sonecas em 32 pessoas adultas que, após a quantidade de sono habitual noturno, foram submetidas a quatro condições experimentais: vigília e cochilos de 10, 30 ou 60 minutos em dias alternados.

Os cientistas compararam o tempo de sono objetivamente por meio da polissonografia (exame realizado para medir as variáveis fisiológicas do sono). Isso permitiu saber exatamente a quantidade de tempo que deveria ser destinada para uma soneca de qualidade levando em consideração o tempo médio que a pessoa demorava para adormecer.

O humor, a sonolência objetiva e o desempenho cognitivo dos voluntários foram medidos em intervalos de 5 minutos, 30, 60 e 240 minutos após o despertar do cochilo para avaliar os possíveis efeitos benéficos dessa soneca. Os pesquisadores analisaram, ainda, os impactos desses minutos de sono na codificação da memória dos participantes.

Segundo o estudo, os participantes levaram de 10 a 15 minutos para adormecer. E os resultados apontam que, em comparação com a vigília, todas as durações de soneca tiveram benefícios claros na melhora do humor e no estado de alerta (desde as mais curtas, de 10 minutos, até as mais longas, de 60 minutos). No entanto, somente as sonecas de 30 minutos tiveram um benefício direto na codificação da memória. O que indica, então, que é necessário dormir pelo menos meia hora para melhorar a memória.

Por que dormimos à noite?

Para entender a importância da soneca durante o dia, é preciso conhecer os mecanismos fisiológicos que nos fazem dormir à noite. De acordo com a neurologista Letícia Azevedo Soster, especialista em Medicina do Sono do Hospital Israelita Albert Einstein, o sono tem várias funções. Mas a primária é fazer com que o nosso corpo recupere a energia que foi gasta no decorrer do dia.

“Não tiramos energia de nenhum lugar externo, nós a produzimos. Acordamos cheios de energia e gastamos essa energia ao longo do dia. Quando isso acontece, as moléculas de energia [chamadas de ATP] vão se quebrando e se acumulando no organismo. A função do sono é justamente reunificar e ‘colar’ essas moléculas novamente, para voltarmos a ter energia”, explicou a neurologista, ao frisar que é o chamado processo homeostático.

Mas não é apenas por causa do gasto de energia que a gente dorme. Nós dormimos também por conta de um processo metabólico – chamado relógio circadiano – que promove a sincronização do organismo em relação ao claro e ao escuro do ambiente (vigília e sono). O terceiro mecanismo que nos faz dormir é o comportamental.

“A gente dorme à noite porque existe um favorecimento do processo homeostático [que é o cansaço após o gasto da energia] com o momento metabólico [o nosso organismo se prepara para dormir no escuro]. Ao unir esses dois mecanismos, mais o nosso comportamento, conseguimos adormecer e permanecer dormindo”, explicou Leticia.

Leia também: Como acordar disposto? Saiba o que fazer segundo a ciência

Entendendo a soneca

Porém, pode acontecer de nós não suportarmos muito bem o acúmulo de cansaço durante o dia e, por isso, precisarmos tirar uma soneca no meio da tarde para realizar esse processo de reparo do cansaço um pouco mais cedo. “É o que acontece com o idoso, por exemplo, que faz mais sonecas ao longo do dia porque ele sente cansaço com mais facilidade”, disse a neurologista.

Letícia destaca que a soneca é muito útil para fazer essa compensação do cansaço — que está excessivo e faz com que a gente não consiga cumprir as nossas atividades cotidianas. Afinal, sentir sono durante o dia não é bom, e faz com que o cérebro se ocupe em manter você acordado e em vigília enquanto ele deveria se ocupar em manter você atento.

“A atenção é o item primário da consolidação da memória. Você não vai memorizar nada se você não estiver descansado e não prestar atenção. Para ter memória e conseguir memorizar novos fatos, precisa ter atenção. E para ter atenção, a pessoa precisa estar vigil. Por isso, nesses casos, a soneca serve para compensar o cansaço e reduzir a pressão de sono”, pontuou a especialista, que continua explicando que ao fazer sonecas mais longas, você restaura mais fases de sono, o que torna a compensação do metabolismo energético mais eficiente.

Afinal, quem precisa da soneca?

Letícia ressalta, no entanto, que é preciso avaliar a necessidade individual da soneca e encaixá-la em um horário adequado para que ela não atrapalhe o seu sono da noite. Para isso, primeiramente você deve saber se você está dormindo o suficiente. “Você só sabe que está dormindo o suficiente se estiver acordando bem”, diz Letícia. Esse é o ponto principal e independe da quantidade de horas dormidas, porque a quantidade de horas de sono varia de pessoa para pessoa.

“Se você cochilar das 19h às 20h, por exemplo, você provavelmente vai ter dificuldade para iniciar o seu sono à noite. Mas se você tirar uma soneca logo depois do almoço e se sentir bem, com certeza você vai se beneficiar e ficar mais relaxado”, finalizou.

Fonte: Agência Einstein.

Leia também:

lata de leite condensado cozida aberta com abridor
Bem-estar Casa

Doce de leite na air fryer dá certo? Pode explodir?

Uma receita de doce de leite na air fryer viralizou recentemente no TikTok. Mas será que realmente dá certo? Confira

foto de folhas de citronela em uma bandeja de bambu
Bem-estar Casa Saúde

Planta citronela espanta mosquito da dengue?

A planta possui um óleo essencial desagradável para alguns insetos. Contudo, a citronela não deve ser a única estratégia para espantar o mosquito da dengue

ovo ajuda no ganho de massa
Alimentação Bem-estar

Aumentar o consumo de ovos ajuda no ganho de massa muscular?

Um adulto deve ingerir cerca de 1 a 3 ovos por dia, mas recomendação pode mudar dependendo individuais