Pastinaca (chirívia): “prima” da cenoura tem antioxidantes e é amiga do intestino

Alimentação Bem-estar
10 de Abril, 2024
Pastinaca (chirívia): “prima” da cenoura tem antioxidantes e é amiga do intestino

A pastinaca, ou chirívia, não é nada comum no Brasil. Por isso, quem tem a sorte de encontrá-la no mercado pode confundir a raiz com a cenoura. Trata-se de um vegetal com sabor adocicado e amendoado que concentra inúmeros nutrientes benéficos para o corpo. Seu nome científico é Pastinaca sativa, e sua cor remete à da batata.

A pastinaca é usada tanto na culinária quanto na medicina oriental há anos. É fonte de substâncias com potencial antioxidante, o que a torna uma grande amiga de quem preza por uma alimentação equilibrada e por cuidar da saúde. Saiba mais a seguir:

Benefícios da pastinaca (chirívia)

1 – Rica em antioxidantes

Além de diversos outros nutrientes, a pastinaca concentra substâncias antioxidantes. Elas são conhecidas por combaterem o estresse oxidativo nas nossas células, processo causado pelos radicais livres que pode aumentar o risco de diversas condições crônicas – como problemas cardiovasculares e até câncer.

2 – Contribui para a digestão

A raiz é fonte de fibras solúveis e insolúveis, que ajudam na saúde intestinal e equilibram a microbiota da região. Isso porque elas funcionam como “alimento” dos micro-organismos benéficos que vivem no órgão, além de aumentarem o volume fecal (o que contribui para o trânsito intestinal).

Mas é claro que os benefícios do consumo adequado de fibras não param por aí. Esse nutriente promove mais saciedade (segurando a fome por mais tempo), além de desacelerar os picos de glicose (açúcar) no sangue e reduzir a absorção de gorduras pelo intestino.

Uma xícara de pastinaca crua apresenta 6,5g de fibras, o que representa mais de um quarto da quantidade que um adulto precisa diariamente.

3 – Ajuda no reforço do sistema imunológico

A chirívia concentra também vitamina C, um micronutriente que, além de ser antioxidante, é muito importante para a manutenção do sistema imunológico. Uma xícara do vegetal cru contém 22,5mg de vitamina C, um quarto do que um adulto saudável precisa por dia. Flavonoides e quercetina são outros componentes da raiz que contribuem para a imunidade.

4 – É baixa em calorias

A mesma xícara de pastinaca, além de carregar muitas fibras e vitamina C, tem poucas calorias: apenas 100! Isso pode ser importante para quem está em uma dieta para emagrecimento, por exemplo, e precisa atingir o déficit calórico.

Leia também: Mão de buda: o que é e 7 benefícios da fruta pouco convencional

Informações nutricionais da pastinaca (chivíria)

Se você acha que a lista de nutrientes presentes na pastinaca acabou aí, está enganado. Potássio, vitamina E, K e do complexo B também estão presentes no vegetal. Confira a tabela nutricional de uma xícara de chirívia crua:

  • Calorias: 100;
  • Gorduras: 0,4g;
  • Sódio: 13,3mg;
  • Carboidratos: 23,9g;
  • Fibras: 6,5g;
  • Proteínas: 1,6g;
  • Vitamina C: 22,5mg (25% do valor recomendado);
  • Potássio: 499mg (11% do valor recomendado);
  • Vitamina K: 29,9mcg (25% do valor recomendado);
  • Vitamina E: 2mg (13% do valor recomendado);
  • Tiamina: 0,12mg (10% do valor recomendado).

Cuidados na hora de consumir

A pastinaca é um alimento extremamente saudável, apenas exige alguns cuidados em casos mais específicos. Pessoas com diabetes, por exemplo, precisam incluí-la dentro de um cardápio equilibrado e de acordo com as diretrizes do médico ou nutricionista (afinal, ela concentra carboidratos).

Além disso, o potássio é essencial para a manutenção dos músculos, corações e das células do sistema nervoso. Mas a ingestão do micronutriente deve ser controlada por quem tem problemas renais (especialmente pacientes que fazem diálise).

Por fim, o excesso de vitamina K pode afetar a ação de medicamentos anticoagulantes. Por isso, se você toma esse tipo de remédio, converse com seu médico.

Leia também: Moringa: superalimento tem 7 vezes mais vitamina C que a laranja

Como preparar pastinaca

pastinaca picada e assada

Apesar de pouco conhecida, a chirívia é bastante versátil. Ela funciona em diferentes receitas, tanto para adicionar nutrientes, como para garantir mais sabor ao prato. Confira algumas dicas de armazenamento e preparo:

  • O ideal é conservar a pastinaca na geladeira e em um local úmido – dentro de um saco plástico, por exemplo;
  • Você também pode congelar o vegetal;
  • As chirívias colhidas em idades mais avançadas precisam ser descascadas. As colhidas em fases mais novas, não;
  • Experimente em sopas, caldos, ensopados e na carne de panela;
  • Você também pode consumir a raiz crua, mas ela fica mais adocicada quando cozida. Ela pode ser grelhada, frita, fervida ou assada.

Referência: Food Data Central, US Department of Agriculture.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

mulher de lado tomando um suco verde em um copo
Alimentação Bem-estar

Como comer mais fibras no dia a dia? Dicas simples

O nutriente promove saciedade, melhora o trânsito intestinal, ajuda a evitar picos de açúcar no sangue e diminui a absorção das gorduras. Veja como comer mais

foto mostra diferentes pincéis de maquiagem
Beleza Bem-estar

Pincéis e esponjas de maquiagem podem causar acne e alergias. Como higienizar?

Você já tentou de tudo, mas não consegue se livrar do aparecimento de espinhas? Já tentou lavar seus pincéis e esponjas de maquiagem?

corrida
Bem-estar Movimento Saúde

Como proteger garganta e ouvidos na corrida durante o inverno

É necessário tomar os devidos cuidados para proteger garganta e ouvidos durante a corrida no inverno. Saiba mais!