Estrogênio: Alimentos ricos em estrogênio natural e benefícios

29 de junho, 2020

Estrogênio é a designação genérica dada para os hormônios relacionados à saúde feminina e sua regulação hormonal. Na verdade, os estrógenos, como são conhecidos, são naturalmente produzidos pelo corpo feminino. Porém, existem também os fitoestrógenos, encontrados em diversos alimentos.

A importância do estrogênio para o corpo

Consumir esses alimentos pode ser benéfico de muitas maneiras, inclusive ajudando a aliviar os sintomas da menopausa. Além disso, mais recentemente, em um estudo realizado pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), concluiu-se que o estrogênio pode ter efeito protetor contra o coronavírus.

Ainda, os três principais hormônios estrogênicos naturalmente produzidos pelo corpo, secretados no ovário, são o estradiol, o principal hormônio feminino e responsável pela regulação do ciclo menstrual, o estriol, especialmente importante durante a gravidez, e a estrona, mais sintetizada quando há ganho de gordura corporal e após a menopausa.

Alimentos ricos em estrogênio

Oleaginosas

As oleaginosas são ótimas fontes de fitoestrógenos. Além disso, são boas fontes de proteínas vegetais, também importantes para a regulação metabólica do organismo. Assim, algumas oleaginosas ideias para serem adicionadas na dieta são:

Leia mais: Alimentos que ajudam a aliviar os sintomas da TPM

Soja e produtos derivados

A soja é uma leguminosa, assim como o feijão, a lentilha e o grão-de-bico. Ou seja, popular na dieta vegetariana e vegana como substituição para a carne, é uma grande fonte de fitoestrógenos, assim como os produtos feitos a partir dela, como o tofu, o tempeh, o missô, a proteína texturizada e outros. Ainda, o edamame, uma ervilha de propriedades parecidas com a soja, é outra opção de alimento rico em estrogênio.

Leia mais: Tempeh ou tofu: Qual proteína vegetal é mais saudável?

Frutas frescas e secas

A princípio, frutas são sempre bem-vindas em qualquer dieta e, claro, não é diferente nesse caso. Além de ser ricas em fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes, elas são também fontes de fitoestrogênios. Assim, frescas ou secas, as frutas são grandes aliadas da saúde feminina e são muito recomendadas para aliviar os sintomas da TPM, bem como da menopausa.

Alho

Por fim, apesar de ser mais conhecido como um simples tempero, o alho vai muito além de seu sabor e aroma marcantes. Basicamente, ele também ajuda a aliviar os sintomas da menopausa pois contém fitoestrógenos em sua composição.

Leia também: Como evitar o ganho de peso na menopausa

Sobre o autor

Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo