5 sinais de que você deve procurar um ortopedista

21 de julho, 2022

Depois de alguns meses trabalhando em casa, você começa a sentir as temidas dores nas costas, que não cessam. Ok, hora de procurar um médico. Mas qual a especialidade mais adequada? Se você pensou em um ortopedista, acertou! Hoje, vamos entender quando e por que procurar um médico ortopedista.

Leia também: Ortopedista esportivo: o que é e para que serve

O que é um ortopedista?

A ortopedia é uma das muitas especialidades médicas, focada na saúde do aparelho locomotor, como ossos, músculos, ligamentos e articulações. Ou seja, depois de fazer a Faculdade de Medicina, o ortopedista se especializa nessa área.

Já atuante no ramo, esse profissional pode se especializar ainda mais, atendendo especificamente pacientes com queixas de:

  • Coluna;
  • Quadril;
  • Joelho;
  • Pés e tornozelos;
  • Ombros e cotovelos;
  • Mãos;
  • Além disso, trauma.

Quando procurar um ortopedista?

Já deu para entender que o ortopedista tem tudo a ver com as dores corporais que sentimos, sejam elas fruto de trauma (como um acidente de carro ou uma queda na rua), sejam por conta de movimentos repetitivos (como as tendinites).

Para deixar ainda mais claro, veja, abaixo, alguns dos principais motivos que levam os pacientes a buscarem os ortopedistas:

Dores musculares

O médico ortopedista pode tanto avaliar a saúde muscular do paciente e orientá-lo quanto a rotina de exercícios físicos mais adequada, quanto tratar de dores por repetição ou trauma, como dores sentidas no joelho depois de um treino de corrida ou dores nos punhos por conta da digitação constante.

Quando procurar um ortopedista? Dores nas costas

A coluna é uma estrutura corporal extensa e complexa — ela vai da base do pescoço até a região sacral —, além de muito delicada. Por isso, ela pode sofrer pelos mais variados motivos, como má postura, mau jeito e até hérnias. Nesses casos, o profissional médico a procurar é o ortopedista. Só ele vai saber o diagnóstico e o tratamento mais adequado para esses casos.

Contusões e entorses

Se você torceu o pé enquanto descia do ônibus ou se rompeu um ligamento durante uma prática física, o ortopedista é o médico mais adequado para tratar dessas questões.

Doenças crônicas

Casos de osteoporose, osteopenia e outras condições crônicas relacionadas aos músculos e tendões precisam de acompanhamento especializado.

Quando procurar um ortopedista? Acidentes com fraturas e luxações

Parece óbvio, mas vale o reforço: em casos de quedas, traumas ou ferimentos dos membros (pernas e braços) que provoquem algum tipo de fratura ou luxação, o especialista mais indicado é sempre o ortopedista.

Leia também: Dor na virilha: afinal, o que pode ser? Ortopedista explica

Quais exames o ortopedista pode pedir?

Ir ao médico, normalmente, significa também fazer uma bateria de exames, principalmente se você está com dores ou outros desconfortos físicos. Nesses casos, o ortopedista pode solicitar um dos seguintes exames:

  • Ultrassom, para verificar o grau de comprometimento da lesão;
  • Raios-X, para avaliação de fraturas ou de luxações;
  • Além disso, ressonância magnética;
  • Densitometria óssea, para avaliar a massa óssea do paciente;
  • Tomografia, para melhor visualização de lesões;
  • Por fim, exames laboratoriais.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.