Alimentos que ajudam a combater a depressão

Alimentação Bem-estar
04 de Fevereiro, 2020
Alimentos que ajudam a combater a depressão

Não há uma dieta específica que combata a depressão, mas certamente há alimentos que ajudam a aliviar seus sintomas. Ainda, é importante ressaltar a importância de manter uma alimentação equilibrada, de modo que muitos nutrientes são essenciais para a regulação do humor.

Hoje, a depressão é um problema de saúde pública mundial. Por isso, é essencial conhecer formas de combater esse transtorno, conhecido por provocar sintomas de tristeza profunda e perda de interesse em atividades antes prazerosas. 

A importância da alimentação no combate à depressão

Um estudo de 2017, desenvolvido por cientistas da Universidade de Deakin, na Austrália, comprovou a ligação diretamente entre a alimentação e os sintomas de pessoas diagnosticadas com depressão. Ainda, concluíram que os resultados podem ser relacionados tanto com pacientes de depressão moderada, bem como com pacientes em estado mais grave. Portanto, em conjunto com a terapia adequada, uma alimentação regulada pode ser efetiva no tratamento da depressão. 

Alimentos que aliviam os sintomas da depressão

Grãos, sementes e amêndoas

Nutriente: Selênio

Alimentos ricos em selênio, como os grãos integrais, algumas sementes e certas amêndoas, podem ser altamente eficazes no combate aos sintomas da depressão. Outros alimentos ricos nesse mineral são:

Laticínios e ovos

Nutriente: Vitamina D

Fontes de vitamina D, laticínios, bem como o ovo, são boas adições à dieta. Ainda, demais alimentos que são também ricos nessa vitamina são: 

Nozes e peixes

Nutriente: Ômega-3

Abundantes em ômega-3, uma gordura boa, as nozes e a carne de peixe são aliados do combate à depressão. Não só, sementes de chia também são uma excelente opção.

Mais, peixes como o atum e o salmão são também fonte de proteína e vitamina B12, essenciais para a regulação hormonal e melhor controle do humor.

Nesse sentido, outras boas adições à dieta são, por exemplo:

De modo geral, esses são alimentos altamente nutritivos: fontes de vitaminas, sais minerais e fibras. Por isso, ajudam no bom funcionamento de corpo e, consequentemente, combatem sintomas da depressão. 

Por vezes, episódios depressivos podem provocar também episódios de compulsão alimentar. Portanto, a importância da alimentação é certamente imensa. 

Sobre o autor

Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo

Leia também:

chá de boldo
Alimentação Bem-estar

Chá de boldo: para que serve, benefícios e como fazer

O chá de boldo é utilizado para tratar uma variedade de problemas digestivos, como má digestão, gases, azia, constipação e diarreia

prato com ovos, bacon, espinafre e tomates-cereja, ingredientes típicos da dieta cetogênica
Alimentação Bem-estar

Dieta cetogênica é indicada para emagrecer e desinchar; cardápio de 7 dias

Saiba tudo sobre a estratégia alimentar que conquistou muitas famosas

Creatina na menopausa
Alimentação Bem-estar Saúde

Creatina na menopausa: suplemento ameniza efeitos e promove bem-estar

A suplementação surge como uma alternativa promissora para combater os efeitos negativos da menopausa e promover o bem-estar feminino