Saúde vascular no verão: dicas e cuidados essenciais

Saúde
20 de Dezembro, 2022
Saúde vascular no verão: dicas e cuidados essenciais

Está chegando a época bastante aguardada por todos, as férias de verão, por isso, para aproveitar a temporada sem ter situações desagradáveis com a saúde vascular, algumas informações podem colaborar.

Leia mais: Afinal, colocar as pernas para cima melhora a circulação? 

O que acontece com a saúde vascular no verão?

Com o aumento das temperaturas, ocorre uma vasodilatação nos vasos sanguíneos (aumentam de tamanho). Isso ocorre para que o nosso corpo possa perder calor e não superaquecer. Apesar deste efeito benéfico, a vasodilatação provoca também veias mais visíveis e o desenvolvimento das varizes. Portanto, no verão, as doenças vasculares tendem a piorar.

Dessa forma, estima-se que há um aumento de 20 a 30%. As mulheres são mais suscetíveis pelo fator hormonal e costumam sofrer mais com inchaço e dores nas pernas, num percentual maior que os homens. Além disso, as pessoas com varizes também podem desenvolver manchas na perna, conhecidas como dermatite ocre, que se intensificam com a exposição ao sol.

Outros fatores que prejudicam a saúde vascular no verão

As altas temperaturas, a desidratação e o consumo de alimentos considerados pouco saudáveis também pioram os sintomas vasculares, inclusive elevam o risco de trombose, formação de coágulos dentro das veias, sendo mais comum nos membros inferiores. Conforme a cirurgiã vascular e membro da Comissão de Varizes da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular – Regional São Paulo (SBACV-SP), Dra. Camila Baumann Beteli, os principais sinais de alerta, que podem corresponder a uma trombose, são dor na perna acompanhada de inchaço que não melhoraram com medidas simples como elevar o membro afetado, e mudança de coloração, com vermelhidão no local dolorido.

As viagens longas também são um fator de risco para o desenvolvimento de trombose venosa por causa da redução da mobilidade. Por isso, a Dra. Camila orienta que é preciso evitar longos períodos parados, sobretudo com as pernas para baixo.

Como prevenir os problemas vasculares?

Para prevenir problemas vasculares, que possam interromper os momentos de lazer, esperados o ano todo, é aconselhável seguir algumas recomendações:

  • Ter uma boa alimentação e evitar alimentos muito gordurosos;
  • Beber bastante água e sucos naturais;
  • Não exagerar nas bebidas alcoólicas;
  • Lembrar-se de sempre aplicar protetor solar nas áreas expostas ao sol, e evitar a exposição em horários próximos ao meio-dia;
  • Movimentar as pernas pelo menos a cada duas horas em viagens longas;
  • Usar meias elásticas sempre depois de uma avalição e prescrita com a orientação médica;
  • Ficar atento a qualquer manifestação de doença vascular, como dor e inchaço nas pernas, vermelhidão ou mesmo o aparecimento de vasinhos e varizes;
  • Consumir alimentos que podem ajudar na circulação como: laranja e outras frutas ricas em vitamina C, gengibre, alho, cúrcuma, salmão, atum, sardinha, melão, melancia, uva, tomate, abacate, nozes e amêndoas.
  • A especialista reforça que os cuidados precisam ser intensificados para quem já possui alguma alteração vascular, sendo importante passar por uma avaliação antes do início das férias. Mesmo para a população mais jovem, também é preciso ter atenção aos sintomas, sobretudo para quem possui histórico familiar de doenças vasculares.
  • O Check-up é fundamental, pois ajuda a prevenir doenças graves e fatais, que às vezes são assintomáticas no início, como hipertensão, diabetes, aterosclerose (placas de gordura na circulação), infarto, AVC e aneurismas. Estas doenças são identificadas em exames simples e pouco invasivos, como o próprio exame físico, exames de sangue e exames de doppler (ultrassom da circulação).

Tratamentos

Mas afinal, quais tratamentos podem contribuir para a melhora da saúde vascular no verão?

“Nesta época também é muito comum a procura para o tratamento de vasinhos ou varizes, pois as mulheres começam se preocupar com a aparência das pernas, mas o ideal é que o cuidado seja planejado com antecedência, pois a secagem dos vasinhos e o tratamento das varizes, em algumas situações, podem exigir repouso e limitar a exposição ao sol, pelo risco do aparecimento de manchas escuras nas pernas. Hoje em dia, o cirurgião vascular tem uma série de opções minimamente invasivas, como o laser, aplicação de espuma e microcirurgias, que modernizaram muito a técnica, e podem ser uma possibilidade para as pacientes de última hora”, destaca o presidente da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular, Dr. Fabio H. Rossi.

Fonte: Dr. Fabio H. Rossi, presidente da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

foto de folhas de citronela em uma bandeja de bambu
Bem-estar Casa Saúde

Planta citronela espanta mosquito da dengue?

A planta possui um óleo essencial desagradável para alguns insetos. Contudo, a citronela não deve ser a única estratégia para espantar o mosquito da dengue

Cinco habitos
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Cinco hábitos indispensáveis para a saúde

Para iniciar uma mudança de comportamento, confira cinco atitudes simples para incorporar no dia a dia que trazem benefícios no futuro

Dengue e Covid
Saúde

Dengue e Covid-19: como diferenciar os sintomas?

Em meio a uma explosão de casos de dengue e o aumento de infecções por covid-19 no Brasil, sintomas geram muitas dúvidas. Veja diferenças