Por que temos retenção de líquidos e como evitá-la?

21 de agosto, 2019

O desconforto do inchaço com certeza incomoda muita gente, principalmente as mulheres. Esse probleminha, também conhecido por retenção de líquidos, nada mais é do que o acúmulo de água em algumas partes do corpo. Pernas, pés, braços, abdômen e rosto são as mais afetadas. 

Há inúmeras razões para a retenção de líquidos se manifestar, mas a mais recorrente é o sistema circulatório que não está em pleno funcionamento ou devido a uma disfunção hormonal que altera o metabolismo.

Leia também: Açúcar x Sal: O que é pior para o corpo?

O calor também pode ser o responsável pelo aumento da retenção porque estimula a dilatação dos vasos sanguíneos. 

Outras causas da retenção de líquidos

  • Variação da pressão sanguínea.
  • Uso de remédios como anticoagulantes, anti-hipertensivos e corticoides, que possivelmente alteram a permeabilidade dos vasos sanguíneos.
  • Consumo excessivo de sódio, que influencia o quadro inflamatório.
  • Problemas renais, hepáticos ou cardíacos.
  • Falta de atividade física e longos períodos sentado na mesma posição.
  • Reações alérgicas.
  • Entre as mulheres, é normal se manifestar durante o período pré e menstrual, quando há fortes alterações hormonais. 

Sintomas 

  • Ganho de peso em um curto período de tempo (às vezes de um dia para o outro), que é o acúmulo de líquidos, e não gordura. 
  • Pele marcada por roupas e sapatos, que ficam mais apertados.
  • Constipação intestinal e gases.
  • Irritabilidade (sobretudo entre as mulheres no período pré e durante a menstruação).
  • Pele fica marcada ao pressioná-la com os dedos. 

Dicas para evitar a retenção de líquidos 

  • Se você trabalha em frente ao computador ou por muito tempo sentado, procure fazer pausas para dar pequenas caminhadas, mesmo que seja no escritório.
  • Faça atividade física. Além de controlar o peso, é uma forma de manter o corpo menos suscetível a retenção de líquidos. O esforço físico promove a contração dos músculos, que estimula a excreção do excesso de líquidos por meio da urina. Invista principalmente em corrida, caminhadas mais velozes e outros exercícios aeróbicos – bike, elíptico, escada…
  • Inclua frutas, verduras e alimentos fontes de potássio (banana, batata, abóbora, abacate e mamão, por exemplo). Um cardápio nutritivo favorece o equilíbrio de todas as funções, prevenindo anormalidades como o inchaço. 
  • Beba muita água e bebidas com efeito diurético, como chá verde, de boldo  e hibisco
  • Consuma com moderação e até mesmo evite temperos industrializados, como caldo de galinha e caldo de carne. Carboidratos simples como massas, farinha branca e pães brancos também podem causar o desconforto do inchaço, principalmente se você possui alguma intolerância ou sensibilidade ao glúten. 
  • Evite bebidas alcoólicas em excesso e sucos industrializados, inclusive os em pó, e bebidas gaseificadas, como refrigerantes.  
  • Tratamentos estéticos podem ser eficazes. Drenagem linfática, massagem modeladora e outros métodos que estimulam a liberação do excesso de líquidos do corpo podem ser feitos semanalmente e não há contraindicações, desde que sejam feitos com um profissional qualificado. 
  • Sempre consulte um médico ou nutricionista para identificar as possíveis causas da retenção de líquidos, caso sinta que sejam frequentes ou muito acentuadas em determinadas áreas.

Leia também: Emagrecer: O que comer para queimar mais calorias

Alimentos para evitar a retenção

Água de coco

Rica em magnésio, cálcio e potássio, a bebida combate a retenção. Consuma todos os dias (300 ml) na fase de inchaço.

Ervas frescas

Elas ressaltam o sabor dos alimentos e, com isso, reduzem a necessidade de sal. E ainda garantem substâncias diuréticas, antioxidantes e anti-inflamatórias, especialmente o salsão, a salsinha e o coentro

Chá

Pode ser de erva-doce, cidreira, hortelã e camomila – ervas com propriedades calmantes e anti-inflamatórias

Fonte: Gabriela Cilla, nutricionista e gastróloga. Especialista em nutrição clínica, funcional e esportiva.

Leia também: Vinagre de maçã para emagrecer. Funciona?

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.