5 bebidas que ajudam a dormir — e 3 que te deixam acordado

Alimentação Bem-estar Sono
31 de Janeiro, 2022
5 bebidas que ajudam a dormir — e 3 que te deixam acordado

Todo mundo sabe que, em média, são necessárias 8 horas de sono por noite. Mas, muitas vezes, quando chega a hora de ir para a cama, é comum ainda estarmos com a energia lá em cima, não é mesmo? Nesses momentos, apostar em bebidas que ajudam a dormir (e evitar aquelas que nos deixam acordados) pode ajudar. Confira, então, algumas opções:

Bebidas que ajudam a dormir

1 – Chá de ervas

O chá de ervas pode fazer parte de um ritual relaxante pré-sono. Experimente o chá de tulsi (também chamado de manjericão sagrado ou santo basílico), uma vez que ele possui propriedades calmantes capazes de ajudar o corpo a equilibrar os níveis de cortisol (hormônio do estresse).

Da mesma forma, valeriana, maracujá e camomila também são ótimos para quem quer ter uma noite restauradora. A primeira, aliás, mostrou-se especialmente útil contra a ansiedade, concluiu uma revisão publicada no Journal of Evidence-Based Integrative Medicine.

Além disso, ingerir o líquido quentinho todos os dias na mesma hora pode sinalizar ao cérebro que já está na hora de desligar — o que vai fazer com que você pegue no sono mais rapidamente.

Leia também: Sono e cansaço na praia: quais são as causas e como evitar?

2 – Golden latte

Quem nunca ouviu falar que um copo de leite morno antes de dormir é relaxante? Mas se você não gosta do alimento puro ou é sensível à lactose, pode trocá-lo pela opção vegetal e adicionar algumas especiarias — a famosa receita de golden latte.

3 – Água pura ou saborizada

Você sabia que manter a hidratação adequada durante o dia contribui até para o sono? Isso mesmo. Mas tente consumir o líquido de modo igual na rotina — beber tudo de uma vez à noite vai te deixar com vontade de ir ao banheiro no meio da madrugada.

4 – Suco de cereja

Uma pesquisa publicada no American Journal of Therapeutics apontou que o suco de cereja talvez possa ajudar pacientes com insônia. Nela, pessoas com mais de 50 anos foram divididas em dois grupos — o primeiro bebeu cerca de 200ml de suco de cereja duas vezes ao dia por duas semanas, enquanto o segundo tomou uma bebida placebo.

Como resultado, os cientistas notaram que os participantes do primeiro grupo desfrutaram de 84 minutos a mais de sono em comparação ao outro time. Uma das prováveis explicações para o achado é que substâncias presentes na fruta aumentam a disponibilidade de triptofano, um aminoácido envolvido na produção de serotonina (hormônio do bem-estar).

Leia também: Como uma casa bagunçada atrapalha a qualidade do sono

5 – Bebidas que ajudam a dormir: Ashwagandha (ginseng indiano)

Encontrada nas formas de cápsulas, extratos ou chás, essa plantinha de nome curioso tem ação calmante e ansiolítica. É considerada também um adaptógeno, ou seja, ajuda o corpo a se adaptar ao estresse.

Um estudo inicial, feito com 60 adultos e divulgado na revista Cureus, descobriu que tomar ashwagandha ajudou a reduzir os níveis de cortisol e melhorou a qualidade do sono. Contudo, é sempre bom consultar o seu médico: exagerar na dose pode provocar diarreia. Além disso, a bebida é contraindicada para grávidas e lactantes.

Bebidas que NÃO ajudam a dormir (e, portanto, você deve evitar)

1 – Drinks com álcool

Você provavelmente deve achar que o álcool nos faz adormecer mais rapidamente. A ideia é verdade, mas muita gente não sabe que a substância piora (e muito) a qualidade do sono: ela impossibilita o organismo de atingir o estado mais profundo de descanso, sugeriu uma revisão de estudos da revista Alcohol.

2 – Itens açucarados

Refrigerantes, sucos industrializados e bebidas esportivas, por exemplo, aumentam a chance de passarmos a noite em claro. Isso porque todos esses produtos podem funcionar como verdadeiros estimulantes para o corpo.

Leia também: Retrospectiva do sono: Como dormimos durante a pandemia?

3 – Café

É claro que ele não poderia ficar de fora, não é mesmo? Líquidos com cafeína, seja em qualquer quantidade, também deixam o cérebro mais “ligado”. Por isso, se você é sensível à substância, é melhor evitá-la depois das 16h.

Referências: Salve J, Pate S, Debnath K, Langade D. Adaptogenic and Anxiolytic Effects of Ashwagandha Root Extract in Healthy Adults: A Double-blind, Randomized, Placebo-controlled Clinical Study. Cureus. 2019.

Losso JN, Finley JW, Karki N. Pilot Study of the Tart Cherry Juice for the Treatment of Insomnia and Investigation of Mechanisms. Am J Ther. 2018.

Thakkar MM, Sharma R, Sahota P. Alcohol disrupts sleep homeostasis. Alcohol. 2015.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

menina com ritmo circadiano saudável dormindo na cama durante as férias
Bem-estar Gravidez e maternidade

Férias escolares: como manter um ritmo circadiano saudável?

Manter um ritmo circadiano saudável por meio de uma rotina consistente é fundamental para o bem-estar físico e mental.

mãos segurando um tapete de ioga
Bem-estar Movimento

Treinar no frio dá menos resultado? Especialista responde

As temperaturas mais baixas do inverno fazem com que o corpo demore mais para aquecer. O que pode dar a sensação de que treinar no frio

criança sentada em mesa segurando uma colher e comendo um mingau rico em fibras
Alimentação

Fibras na alimentação infantil: conheça os benefícios e como incluí-las

As fibras na alimentação infantil contribuem para o bom funcionamento do intestino, prevenindo a prisão de ventre.