Tinto ou branco? Qual é o melhor vinho para quem quer emagrecer?

5 de agosto, 2022

Durante as noites de inverno, muita gente só pensa em uma coisa: uma taça de vinho para esquentar! Contudo, quem quer emagrecer pode ficar em dúvida sobre qual tipo escolher para não atrapalhar tanto a dieta. Confira, então, a quantidade ideal e o melhor vinho para manter a perda de peso!

Tinto ou branco? Qual o melhor vinho para quem quer emagrecer?

Primeiramente, vamos pensar na questão das calorias — afinal, o que promove o emagrecimento é o chamado déficit energético, isto é, comer menos calorias do que o corpo gasta diariamente.

As calorias dos vinhos variam muito de acordo com cada rótulo. Isso porque cada um possui um teor alcoólico e um volume de açúcar diferentes. Mas o vinho branco tende a ser menos calórico que o tinto.

Contudo, vale lembrar que o vinho tinto é rico em polifenóis — em especial, o resveratrol —, substâncias antioxidantes presentes na casca da uva que podem trazer benefícios para a saúde.

Leia também: Como incluir bebidas alcoólicas na dieta?

Qual a quantidade ideal para quem quer emagrecer?

Os vinhos possuem álcool, que não é um nutriente em si, mas carrega calorias — e muitas! “Mesmo um consumo moderado pode representar um valor energético significativo, já que um grama [de álcool] possui sete calorias”, afirma a nutricionista Amanda Giovannetti, da Amparo Saúde. Para você ter uma ideia, a mesma quantidade de carboidrato equivale a quatro calorias, enquanto de gordura, 9 calorias.

Por isso, quem quer emagrecer precisa ficar atento ao consumo de bebidas alcoólicas durante a semana. A Organização Mundial da Saúde (OMS), por exemplo, recomenda até 14 unidades da substância por semana — sendo uma unidade o equivalente a 150ml de vinho. Ou, então, no máximo 10 unidades em uma única ocasião para os homens e 7 para as mulheres.

No entanto, pensando em uma dieta de perda de peso, os volumes indicados podem ser bem menores (apenas uma ou duas taças por semana, por exemplo). “Mesmo um consumo dentro dos limites seguros para a saúde pode prejudicar muito o resultado. Isso porque uma taça de vinho carrega, em média, 153 kcal”, explica Amanda.

Por isso, o ideal é conversar com o seu nutricionista. Ele irá orientá-lo sobre a melhor estratégia de consumo para que o seu objetivo não saia prejudicado.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.