Glicerina no cabelo: para que serve, benefícios e como usar

28 de março, 2022

Todos nós queremos ter um cabelo saudável e bonito. Para isso, existem vários produtos e ingredientes que podem hidratar os nossos fios, evitar o ressecamento e controlar o frizz, como a glicerina. Mas será que a glicerina no cabelo realmente traz benefícios?

O Dr. Gabriel Monteiro de Castro, dermatologista especialista em medicina estética e membro da Doctoralia, informou que a glicerina também é conhecida como glicerol. “Se lembrarmos quando estudávamos química, tudo que termina com “ol” é um álcool”, relembra. 

O dermatologista complementa que a glicerina é, na verdade, um tri álcool, ou seja, um carboidrato derivado de alguns óleos, de vegetais específicos e também de origem animal como banha de porco.

Pode usar glicerina no cabelo?

Mas, afinal, pode usar glicerina no cabelo? O Dr. Gabriel Monteiro de Castro diz que pode, sim! 

No entanto, o especialista em medicina estética informa que pode usar o produto no cabelo com alguns cuidados. Além disso, o ideal é seguir a indicação dos especialistas que sugerem a glicerina de origem vegetal. 

A glicerina vegetal também é conhecida como glicerol vegetal, um produto de carboidrato derivado de óleos vegetais, como coco ou palmeira. Por isso, muitos produtos cosméticos possuem esse tipo de glicerina em suas composições. 

Para que serve?

De acordo com o especialista, a glicerina cria uma película protetora que hidrata e deixa o cabelo mais bonito, com mais brilho e com menos frizz. Portanto, a glicerina no cabelo serve para formar essa camada protetora no cabelo e na pele para não deixar com que a água saia. 

Segundo o dermatologista, esse ingrediente possui uma propriedade muito hidratante e umectante, ideal para proteger os nossos fios. 

A glicerina serve também para ser usada em alguns produtos como um conservante, já que ajuda os próprios cosméticos a não se ressecarem pelo fato de reter a água.

Benefícios

Já citamos alguns benefícios que a glicerina traz para as nossas madeixas, mas podemos reunir as principais vantagens do uso desse ingrediente como hidratante para os cabelos:

  • Diminui o frizz;
  • Hidrata o cabelo;
  • Deixa os fios mais definidos;
  • Deixa o cabelo mais brilhoso; 
  • Evita o ressecamento das madeixas;
  • Reduz a formação das pontas duplas;
  • Fortalece os cabelos e, portanto, torna-os mais resistente à quebra;
  • Cria uma película protetora que retém a umidade natural dentro dos fios.

Como usar

Qual seria a melhor forma de usar glicerina no cabelo? De acordo com o Dr. Gabriel Monteiro de Castro, é interessante a utilização da glicerina em mistura com outras substâncias como óleos essenciais para os fios. 

Além disso, também é possível colocar a glicerina na máscara capilar da sua preferência, que já tenha propriedades hidratantes.

Veja as instruções de uso do especialista, a seguir: 

  1. Coloque uma colher de chá rasa de glicerina em pó ou líquido na sua máscara da sua preferência;
  2. Misture bem a glicerina na sua máscara capilar;
  3. Aplique um pouco do produto no cabelo inteiro, evitando a raiz;
  4. Deixe o produto agir de acordo com a indicação na embalagem, geralmente por 10 a 15 minutos;
  5. Enxágue bem o cabelo;
  6. Finalize como de costume. 

Sem dúvidas, essa máscara com glicerina no cabelo para conferir uma hidratação melhor.  “É importante lembrar que quando misturamos a glicerina com outras substâncias ela tem um efeito ainda melhor no cabelo”, completa o especialista.  

Cuidados na hora de usar a glicerina no cabelo

Existem alguns cuidados que devemos ficar atentos na hora de aplicar a glicerina nos fios. Para o Dr. Gabriel Monteiro de Castro, a maior preocupação que devemos temos é o uso da quantidade do produto. 

“Isso porque se a glicerina não for muito bem dissolvida, em água, em óleo ou até em algum produto, ela pode acabar gerando um efeito reverso, tirando essa hidratação do cabelo”, alerta o dermatologista. 

Portanto, esse é o maior malefício da glicerina no cabelo, já que esse ingrediente funciona melhor sempre junto de veículos aquosos ou de óleo. 

“É possível que a utilização exacerbada ‘roube’ a hidratação do cabelo, então sempre menos é mais”, lembra o especialista em medicina estética. 

Alisar o cabelo com glicerina

Ao passar a glicerina nos fios, a sensação é de que a estrutura do cabelo fica mais lisa. No entanto, esse efeito “desmaiado” possui outra explicação.

“A glicerina não alisa o cabelo porque não possui um potencial alisante. O que podemos atribuir à substância é que, como ela vai trazer uma hidratação e uma umectação maior a esses fios, estes por sua vez vão estar mais hidratados, serão facilmente alisados e possuirão um aspecto mais alinhado”, esclarece o membro da Doctoralia. 

Finalizar o cabelo com glicerina

A princípio pode finalizar o cabelo com glicerina, mas é importante saber que os resultados vão depender da umidade do ambiente, do clima e da diluição em água.

Segundo o especialista em medicina estética, a finalização com glicerina não é tão interessante porque o efeito prolongado desse ingrediente pode ter um grande efeito colateral negativo. 

“Por isso, para um risco menor de dano ao cabelo é preciso tirar essa glicerina do cabelo com a lavagem, após o uso do ingrediente em uma máscara capilar. Porém, você até pode colocar um pouco no leave in, mas nunca utilizar a glicerina pura nos fios”, adverte o dermatologista.

Fonte: Dr. Gabriel Monteiro de Castro, dermatologista especialista em medicina estética e membro da Doctoralia.

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.