O que acontece com o seu corpo quando você ingere sal em excesso

Alimentação Bem-estar
15 de Maio, 2023
O que acontece com o seu corpo quando você ingere sal em excesso

Não dá pra negar, o sal é um item importante na cozinha e ajuda a conferir sabor nos alimentos. Além disso, ele ajuda a equilibrar os sabores doces, ácidos e amargos, o que torna as comidas mais saborosas. Por outro lado, é bem verdade que os efeitos do sal em excesso podem causar danos à saúde.  

Apesar de parecer inofensivo, segundo a FioCruz – Fundação Oswaldo Cruz, o excesso de sódio, principal componente do sal de cozinha, está associado ao desenvolvimento da hipertensão arterial, de doenças cardiovasculares, renais e outras, que estão entre as primeiras causas de internações e óbitos no Brasil e no mundo. A seguir, conheça os efeitos do excesso de sal e como evitá-los. 

Veja também: Mudança de hábito: a chave para ter uma vida mais saudável

Efeitos do sal em excesso: Como prejudica o seu corpo

efeitos do sal em excesso Exagerar no sódio na sua alimentação pode ter um preço alto para a saúde. A seguir, confira alguns problemas relacionados à prática:

  • Coração: pode provocar hipertensão arterial e aumenta o risco de doenças cardiovasculares.  
  • Cérebro: pode afetar a oxigenação e provocar dor de cabeça, AVC e/ou demência. 
  • Ossos: aumenta o risco de osteoporose, já que aumenta a perda de cálcio por meio da urina.
  • Estômago: pode aumentar os riscos de desenvolvimento de câncer no estômago. 
  • Retenção de líquido: favorece o inchaço corporal, especialmente nos pés e nas mãos.
  • Rins: sobrecarrega os rins e pode gerar cálculos (pedra nos rins) e insuficiência renal.

Efeitos do sal em excesso: Como evitar?

Alguns alimentos estão no ranking de concentração de sódio. Portanto, para ter uma dieta mais equilibrada, o ideal é evitá-los, são eles: 

  • Produtos industrializados;
  • Fast foods
  • Alimentos enlatados; 
  • Queijos;
  • Temperos prontos;
  • Carnes processadas;
  • Bolachas e bolos processados;
  • Salgadinhos assados;
  • Macarrão instantâneo;
  • Sopas e caldos prontos;
  • Molhos prontos.

Na medida certa

Como tudo em excesso faz mal, com o sal também não é diferente. Contudo, se consumido na medida certa, ele pode oferecer benefícios para a saúde. O sódio desempenha um papel vital no equilíbrio dos fluídos do corpo e também contribui com a transmissão de impulsos elétricos nos nervos e músculos.

Por outro lado, o sal também contribui com a boa digestão e facilita a produção de energia. Por isso, você não precisa e nem deve cortar o sal de vez da sua alimentação. Varie a dieta com alimentos frescos, como legumes e frutas. Além disso, ao temperar a comida, opte por itens naturais para evitar a superdosagem de sal, como orégano, alho, cebola, louro e manjericão

Um bom parâmetro para saber se o consumo é exagerado ou não, é adotar a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). De acordo com a diretriz do órgão, a quantidade de sal recomendada por dia é de 5 gramas (ou cerca de 2.300 miligramas de sódio), ou seja, uma colher de sopa rasa de sal. 

Como ter uma alimentação saudável

Se você está buscando ter uma alimentação saudável, o recomendado é ir a um médico especializado, como nutricionistas, para que seja indicado os alimentos adequados. Contudo, você pode iniciá-la com os seguintes alimentos:

  • Oleaginosas: nozes, castanhas, amêndoas;
  • Vegetais verdes: rúcula, espinafre, couve, brócolis;
  • Carnes magras: peixe e frango sem pele e gordura;

Referência: CUF Academic Center e FioCruz.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

Chás pré e pós-treino
Alimentação Bem-estar

Chás pré e pós-treino: veja as melhores opções

O chá é a segunda bebida mais consumida mundialmente, depois da água, sendo o Brasil um dos maiores consumidores. De acordo com um balanço da Euromonitor

Lapsos de memória
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Lapsos de memória: 8 principais fatores e como evitá-los

Rotina sobrecarregada, estresse e noites maldormidas são algumas das causas

Quando mudar a rotina de skincare
Beleza Bem-estar

Rotina de skincare: quando mudar os produtos? Dermatologista explica

Segundo a dermatologista, apesar da percepção, a pele continua se beneficiando da rotina