Dieta e fertilidade: Alimentação pode ser uma aliada das tentantes?

Alimentação Bem-estar Gravidez e maternidade Saúde
07 de Fevereiro, 2022
Dieta e fertilidade: Alimentação pode ser uma aliada das tentantes?

A vida adulta nos recebe com uma série de decisões difíceis de serem tomadas. Para muitos, um grande questionamento é: ter (ou não) filhos? E quando a resposta é positiva, o processo para engravidar é um ponto que merece atenção. Afinal, será que existe uma dieta que estimula a fertilidade?

Por isso, neste quarto episódio da segunda temporada do podcast De bem com você, da Vitat, Cris Dias, ao lado da nutricionista Natalia Barros (especialista em fertilidade e gestação) e da ginecologista e obstetra Beatriz Truyts (especializada em reprodução humana), traz dicas, curiosidades e relatos sobre a relevância de ter uma alimentação mais equilibrada e focada no objetivo de engravidar com mais saúde. Confira:

Conheça as convidadas

Natalia Barros é nutricionista, mestre em Ciências pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), e com aprimoramento em nutrição humana e metabolismo pela Stanford University/USA.

Beatriz Truyts é médica ginecologista e obstetra, com especializações em congelamento de óvulos (USP), nutrologia e reposição hormonal. Com grande interesse pela medicina Ayurvédica.

Preocupação tardia com a fertilidade

Os brasileiros estão adiando cada vez mais o sonho de ter filhos. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é cada vez maior o número de mulheres que decidem ser mães após os 30 anos. Para você ter uma ideia, em 2019, 37,5% daquelas que engravidaram já tinham ultrapassado essa idade. Além disso, entre 2009 e 2019, aumentou em 63,6% o número de mães de 35 a 39 anos — e ele só tende a crescer.

Infelizmente, o principal fator de risco para a infertilidade é natural e inevitável — o passar do tempo. “Fisiologicamente falando, nosso ápice reprodutivo estaria entre 22 e 25 anos. Aos 30, já começa a haver um declínio do potencial reprodutivo, e aos 35, esse declínio é ainda mais abrupto (cerca de 80% da reserva ovariana já foi embora)”, alerta a médica.

E qual a melhor dieta para a fertilidade?

Dentre os muitos hábitos que podem ajudar a potencializar a fertilidade, a dieta é um deles. Contudo, isso não quer dizer que existem alimentos “vilões” e “mocinhos” para quem quer engravidar — o ideal, mesmo, é pensar no cardápio como um todo. “Isso porque ao se preocupar com a saúde, você estará cuidando das suas células, dos seus óvulos e dos espermatozoides (no caso dos homens)”, afirma a nutricionista.

Ela diz ainda que existem diversos estudos sobre a dieta mediterrânea — rica em peixes (fontes de gorduras boas), vegetais e ingredientes antioxidantes. “No geral, contudo, uma alimentação in natura, menos processada e industrializada e com fontes de gorduras saudáveis vai favorecer o funcionamento do seu organismo e combater a ação dos radicais livres (e, consequentemente, prevenir o envelhecimento celular)”, complementa.

Já é sabido, por exemplo, que a gordura trans (especialmente a presente em itens ultraprocessados) diminui a espermatogênese (processo de fabricação dos espermatozoides pelo corpo). O mesmo vale para os chamados disruptores endócrinos, encontrados no plástico, em agrotóxicos e em outros produtos químicos.

Além disso, tentantes devem buscar o equilíbrio entre quatro pilares para potencializar ainda mais a chance de engravidar: alimentação, atividade física, saúde mental (e sono) e suplementação de vitaminas (caso necessário).

“Casais ativos são mais bem-sucedidos até nas respostas a tratamentos de reprodução assistida. E mulheres obesas têm 20% menos chances de engravidar. Por fim, a melatonina (o hormônio do sono) tem receptores nos ovários, enquanto o estresse pode gerar um desequilíbrio dos hormônios sexuais”, afirma Beatriz Truyts.

Dieta e fertilidade: Mas e a suplementação?

Alguns nutrientes são essenciais para o processo de gestação, e quantidades adequadas deles contribuem para o desenvolvimento do bebê até depois do nascimento. Em alguns casos, há a necessidade de suplementar, mas isso só o seu médico e os exames de sangue poderão dizer. Confira, então, as vitaminas e os minerais mais importantes:

E Natalia dá o alerta: “a suplementação não substitui uma alimentação saudável. Na suplementação, a gente consegue atingir doses maiores para casos e condições específicos. Mas ela, isoladamente, não faz milagre”. Isso porque uma dieta balanceada também ajuda a manter nossa microbiota intestinal saudável — local onde são absorvidos os nutrientes.

Dieta e fertilidade: Alternativas para tentantes

Assim como o número de gestantes tardias (ou seja, com mais de 35 anos) vem aumentando nas últimas décadas, a procura por tratamentos para engravidar também. “São mais de oito milhões de bebês no mundo que nascem com a ajuda da ciência por ano (um crescimento de 168%)”, diz a médica.

E o processo começa com uma investigação sobre as possíveis causas da infertilidade (tanto para ela, quanto para ele). “Nos homens, a infertilidade está muito relacionada à fragmentação do DNA (gerado pelo estresse oxidativo). Então, no caso deles, a gente pensa em uma dieta mais antioxidante possível, no controle do estresse, na prevenção da obesidade e em quantidades adequadas de zinco e cálcio”, explica a nutri.

Em seguida, o casal determina, com o conselho do médico, qual a melhor opção de reprodução assistida: congelamento de óvulos ou embriões (para aqueles que não têm o plano de engravidar tão cedo), fertilização in vitro (FIV), injeção intracitoplasmática de espermatozoides, inseminação intrauterina… E por aí vai.

Sobre o De Bem Com Você

No podcast da Vitat, Cris Dias conduz conversas descomplicadas com especialistas e convidados para você descobrir como ficar de bem com você. A cada semana, um episódio novo será lançado. Confira os outros temas aqui!

E tem para todos os gostos: os bate-papos também ficarão disponíveis nas plataformas de áudio Spotify, Deezer, Google e Apple.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

foto do ator Tony Ramos
Saúde

Hematoma subdural: entenda quadro de Tony Ramos

Tony Ramos passou por duas cirurgias após apresentar um hematoma subdural. Segundo boletim médico, ator já tem "melhora na evolução do quadro clínico"

mulher de lado tomando um suco verde em um copo
Alimentação Bem-estar

Como comer mais fibras no dia a dia? Dicas simples

O nutriente promove saciedade, melhora o trânsito intestinal, ajuda a evitar picos de açúcar no sangue e diminui a absorção das gorduras. Veja como comer mais

foto mostra diferentes pincéis de maquiagem
Beleza Bem-estar

Pincéis e esponjas de maquiagem podem causar acne e alergias. Como higienizar?

Você já tentou de tudo, mas não consegue se livrar do aparecimento de espinhas? Já tentou lavar seus pincéis e esponjas de maquiagem?