Comer salada antes da refeição: saiba se é realmente melhor

29 de junho, 2022

Um prato bem colorido com alface, tomate, pepino, cebola roxa e rúcula é bem-vindo na maioria das dietas. Há quem diga que existe uma ordem certa para consumir os alimentos no almoço e no jantar. Você já deve ter ouvido falar que devemos comer a salada antes da refeição. Mas será que essa prática é realmente indicada pelos especialistas?

De acordo com a nutricionista Tassiane Araujo, não existe uma regra, mas, principalmente para quem está no processo de emagrecimento, comer a salada antes das refeições é mais apropriado. “A salada vai ser fonte de fibras e vai fazer com que a pessoa fique mais saciada e, consequentemente, coma menos comida”, explica.

Além disso, a profissional aponta outros benefícios relacionados ao consumo de saladas. “Além das fibras, elas são ricas em nutrientes e minerais que são muito bons e essenciais para a nossa saúde”. Dessa forma, é melhor não correr o risco de fartar-se com arroz, feijão e carne e não sobrar espaço para a salada no fim da refeição, certo?

Outra dúvida recorrente está relacionada à frequência da ingestão de salada. Afinal, é preciso incluí-la em todas as refeições? Tassiane responde que não. “Eu, por exemplo, recomendo no mínimo uma refeição com salada por dia. Nas outras, o paciente pode conseguir as fibras por meio dos legumes e das verduras”, declara.

Comer salada antes da refeição: como montar?

As saladas são comumente relacionadas a um estilo de vida saudável. Por isso, é importante saber quais ingredientes escolher na hora de montar o seu prato. Existem algumas opções mais populares, que estão presentes na maioria das saladas, mas você também pode deixar a sua imaginação fluir e completar a preparação com opções de sua preferência.

Primeiramente, é interessante começar pela escolha de um mix de folhas. Ele pode ser feito com alface crespa ou lisa, rúcula, agrião, espinafre e acelga. Depois, é possível adicionar tomate, pepino, cenoura, beterraba, brócolis, rabanete e palmito.

Além disso, as frutas não devem ser descartadas. Muitas saladas contêm manga, abacaxi, uva e laranja, por exemplo. Você ainda pode finalizar com nuts, sementes de girassol, gergelim ou frutas secas. Também vale investir nos molhos, mas existem alguns pontos de atenção.

Lembre-se de tomar cuidado com as opções industrializadas, uma vez que elas costumam ter muito sódio, corante e outros ingredientes químicos. Assim, prefira preparar o seu próprio molho caseiro. Azeite, limão, iogurte, ricota e vinagre balsâmico são bases boas para a preparação. É possível completar a receita com frutas, temperos e ervas frescas, como hortelã, manjericão, cebolinha e salsinha.

Leia também: Como comer salada no frio? Dicas e receita

Receitas de salada

Confira algumas receitas de salada para se inspirar e deixar as refeições ainda mais saborosas e nutritivas.

Salada de espinafre, abacate e queijo de cabara

Ingredientes:

  • 8 xíc de espinafre picado;
  • 3 xíc de frango cozido e picado;
  • 1 xíc de tomates cereja cortados ao meio;
  • 1/2 xíc de milho;
  • 1 abacate grande fatiado;
  • 1/2 xíc de queijo de cabra ou queijo feta;
  • 1/4 de xíc de pinhões;
  • 3 col (sopa) de vinagre de vinho branco;
  • 2 col (sopa) de azeite extra-virgem;
  • 1 col (sopa) de mostarda Dijon;
  • Sal e pimenta moída na hora a gosto.

Modo de preparo:

Em primeiro lugar, coloque o espinafre em uma saladeira grande. Adicione os demais ingredientes da salada. Logo após, em uma tigela pequena, misture os ingredientes do molho. Em seguida, despeje sobre a salada e misture. Por fim, sirva.

Comer salada antes da refeição: opção de repolho roxo com amêndoas

Ingredientes:

  • 12 folhas de repolho roxo;
  • 1 unidade de pera willians;
  • 1 prato de rúcula;
  • 1/2 xíc (chá) de amêndoas.

Modo de preparo:

Pique o repolho em fatias finas e a pera em cubos. Misture o repolho, a rúcula e a pera em uma tigela e, para finalizar, coloque as amêndoas e sirva.

Fonte: Tassiane Araujo, nutricionista adepta à nutrição intuitiva e comportamental.

Descubra se seu peso está saudável Em minutos, você saberá se seu peso atual é saudável, com a ajuda grátis da Vitat.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.