Circuito flash: Treino para queimar calorias com o peso do próprio corpo!

25 de janeiro, 2022

Quer um treino para queimar calorias sem precisar de equipamentos? Então, temos! Carlos Botelho, coordenador da Bodytech Lago Sul, preparou um circuito rápido e fácil, com seis exercícios, para fazer em casa, na areia da praia, no parque ou em qualquer lugar.

“Não é necessário ter aparelhos e acessórios para realizar um treino funcional de qualidade. Isso porque é possível utilizar o peso do próprio corpo para gastar energia com eficiência. A quantidade de calorias perdidas depois do treino concluído depende muito da intensidade, do condicionamento, da faixa etária, entre outros fatores”, explica o especialista.

Leia também: Participante do BBB usa atividade física como válvula de escape

Circuito flash: Treino para queimar calorias

1 – Polichinelo

Exercício utilizado para aquecer antes de realmente iniciar a sessão. Essa atividade movimenta membros superiores e inferiores, contribuindo para a queima calórica e trazendo benefícios para a saúde, pois trabalha as resistências muscular e cardiovascular.

2 – Skipping sem deslocamento

Também conhecido como corrida estacionária, consiste em uma simulação dos movimentos de corrida sem sair do lugar, fazendo apenas a elevação dos joelhos. Além de proporcionar queima calórica, o skipping também treina a coordenação motora, a postura e a força dos membros inferiores.

3 – Treino para queimar calorias: Abdominal na prancha

Popularmente chamado de prancha, esse abdominal garante a resistência muscular e o fortalecimento do abdômen. Além disso, resulta em outros benefícios, como a melhora da postura e o alívio das dores na coluna, permitindo mais estabilidade e flexibilidade corporal.

4 – Flexão de braços no solo

Exercício muito comum e eficaz quando o objetivo é fortalecer os músculos das costas e dos braços e, além disso, trabalhar levemente a região abdominal.

Dica: se você não consegue realizar o movimento da forma tradicional (isto é, em posição de prancha com as pernas esticadas), tente apoiar os joelhos no chão e deixar o corpo inclinado (45°). Dessa forma, o movimento fica mais fácil e ainda eficaz.

Leia também: Afinal, cafeína pré-treino melhora o rendimento físico?

5 – Agachamento livre

Um dos exercícios mais completos, que aciona diferentes músculos, estimula a hipertrofia e, ao mesmo tempo, auxilia no emagrecimento. O agachamento livre é excelente para os quadríceps (coxas) e o tronco, além de ser fácil de realizar.

Dica: A atividade simula o movimento de sentar. Por isso, deixe os joelhos um pouco afastados e alinhados, descendo o quadril de forma em que, com o movimento, o joelho não ultrapasse as pontas dos pés.

6 – Afundo dinâmico

Por fim, Carlos Botelho recomenda o afundo dinâmico. Excelente exercício para definir coxas e glúteos, o afundo também melhora a coordenação, a postura e a consciência corporal.

Dica: este movimento é realizado “parado”, fazendo-o em cada perna de forma alternada. Portanto, para realizar corretamente, é importante dar um passo nem muito curto, nem muito longo. Ou seja, ao dar um passo à frente, projete o peso do corpo na perna que avançou, deixando o tronco e as costas sempre eretos durante o exercício.

Treino para queimar calorias: Como realizar

  • 1 – Polichinelo: 2 séries de 20 segundos e descanso de 30 segundos entre elas;
  • 2 – Skipping: 2 séries de 20 segundos e descanso de 30 segundos entre elas;
  • 3 – Abdominal na prancha: 2 séries de 20 segundos e descanso de 30 segundos entre elas;
  • 4 – Flexão de braços: 2 séries de 15 a 20 repetições e descanso de 30 segundos entre elas;
  • 5 – Agachamento livre: 2 séries de 15 a 20 repetições e descanso de 30 segundos entre elas;
  • 6 – Afundo: 2 séries de 15 a 20 repetições e descanso de 30 segundos entre elas.

Leia também: Abdominal alternado: O que é, para que serve benefícios e como fazer

Fonte: Carlos Botelho, coordenador da Bodytech Lago Sul.

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.