O que acontece com a tireoide na gravidez?

Gravidez e maternidade Saúde
22 de Novembro, 2021
O que acontece com a tireoide na gravidez?

Durante a gestação, é bastante comum algumas mulheres apresentarem outras questões de saúde relacionadas, como diabetes ou problemas na tireoide. Isso tem um motivo, claro: a tireoide na gravidez aumenta em até 20% de tamanho. Desse modo, ela passa a sintetizar 50% a mais de hormônio tireoidiano, de forma que a necessidade de ingesta de iodo também aumenta bastante durante o período gestacional.

“Isso acontece porque o feto demora 10 semanas para desenvolver a sua própria tireoide, precisando, até aí, dos hormônios da mãe”, explica a endocrinologista e metabologista Paula Pires. “Em mulheres com predisposição a problemas de tireoide, essa demanda aumentada dos hormônios pode levar ao hipotireoidismo gestacional, resultando em uma queda na produção dos hormônios tireoidianos”.

Para Murilo Neves, cirurgião da cabeça e do pescoço, essas mudanças na produção hormonal da tireoide feminina são necessárias durante a gestação. E não caracterizam, necessariamente, uma doença, mas uma adaptação a essa nova condição. “O conjunto de adaptações ocorre no sentido de aumentar a síntese de hormônios da tireoide. Além disso, é mais observado no início da gestação, tendendo a se normalizar nas semanas subsequentes.”

Leia também: Tireoide e depressão: Conheça a relação

Tireoide na gravidez

Ainda assim, muitas vezes esse aumento de tamanho e produção hormonal precisa de um tratamento adequado que, segundo a Dra. Paula, acontece com uma reposição do hormônio tireoidiano com levotiroxina. “Uma alimentação saudável, nutritiva e balanceada é importante também. Pois sabemos que, para o funcionamento adequado da tireoide, é importante níveis adequados de zinco, selênio e magnésio”.

Importante lembrar também que, caso a mulher já conviva com alguma disfunção tireoidiana, a gravidez pede uma mudança de conduta — normalmente, com aumento de 30% da dose do remédio da tireoide em pacientes que possuem hipotireoidismo prévio à gestação.

Infelizmente, casos como esses precisam de atenção e acompanhamento porque oferecem um risco ao feto se não forem tratados da forma correta. “A falta de hormônio tireoidiano pode trazer consequências graves para o desenvolvimento do feto, resultando em retardo mental no bebê”, diz a Dra. Paula. Além disso, segundo o Dr. Murilo, também são comuns casos de pré-eclâmpsia, alterações no crescimento e no ganho de peso do feto, além de trabalho de parto prematuro.

Leia também: Tireoide e coração: Você conhece a relação?

Fontes: Paula Pires, endocrinologista e metabologista; e Murilo Neves, cirurgião da cabeça e pescoço da Clínica MedPrimus.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

selfie do ex-jogador de vôlei, Tande
Saúde

Tande, do vôlei, sofre infarto e é internado em hospital

Tande, ex-jogador da seleção brasileira de vôlei, revelou ter tido 98% de entupimento em uma de suas veias e sofrido um infarto

benefícios da banana
Alimentação Bem-estar Saúde

Quais são os benefícios da banana para a saúde? Veja lista e receitas saudáveis

A banana é amiga do intestino, além de ser eficiente na prevenção de cãibras. Veja outros benefícios da fruta!

horário para treinar
Bem-estar Movimento Saúde

Estudo revela melhor horário para pessoas com obesidade treinaram

O estudo da Universidade de Sidney identificou benefícios do treino noturno para a saúde do coração