Tipos de mortadela: qual é o mais “saudável”?

Alimentação Bem-estar
15 de Maio, 2023
Tipos de mortadela: qual é o mais “saudável”?

A mortadela pode até ter origens italianas, mas ela é tão consumida no Brasil que já é quase um alimento típico do nosso país. Muito amada em sanduíches, seu consumo deve ser moderado por concentrar bastante gordura e ser um embutido. Contudo, pouca gente sabe que existem tipos de mortadela diferentes. Saiba mais:

Do que é feita a mortadela?

Seu processo de fabricação é similar ao da salsicha: ambas geralmente são feitas de diferentes carnes, ou seja, podem conter carne de frango, além de carnes bovina e suína.

As carnes e todas as suas miudezas passam pelos processos de trituração e moagem. Em seguida, são misturadas com água, especiarias ou temperos (como alho, pimenta, azeitona, pistache e até queijo), e sal.

Vale lembrar que a maioria das mortadelas carrega muitos aditivos químicos, como corantes, estabilizantes e conservantes, a fim de prolongar sua vida útil e disfarçar ingredientes de baixa qualidade.

Além disso, o alimento é considerado um embutido, um tipo de carne processada. O consumo frequente de carnes processadas já foi associado a um risco aumentado de câncer de cólon (intestino).

Aliás, a Organização Mundial da Saúde (OMS) classifica esse tipo de alimento no grupo 1 de elementos carcinogênicos, isto é, para os quais já há evidência suficiente de ligação com o câncer. Na mesma lista estão o tabaco, o amianto e a fumaça de óleo diesel.

“Outro risco associado aos alimentos embutidos é a presença de toxinas, como a aflatoxina, que podem causar danos no fígado e aumentar o risco de câncer hepático”, disse o nutricionista Felipe França em uma entrevista anterior à Vitat.

Por todos esses motivos, as principais instituições ao redor do mundo falam em limitar a ingestão desse tipo de alimento (por exemplo, presunto, bacon, salsicha…) em cerca de 50g por dia, o equivalente a três fatias de mortadela.

Leia também: Novas regras para a fabricação de presunto: o que muda?

Tipos de presunto: brasileira (nacional)

A mais comum, é preparada com diferentes carnes (porcos, bois e aves). Normalmente, é composta por 50% de carne, 10% de miúdos, 30% de gorduras e 10% de outros ingredientes. Confira as informações nutricionais de 100g do alimento:

  • 330 calorias;
  • 30g de gorduras;
  • 15g de proteína;
  • 3g de carboidratos;
  • 1500mg de sódio (lembrando que a OMS indica apenas 2000mg por dia).

Tipos de mortadela: italiana

Os ingredientes podem mudar conforme a marca. Contudo, ela deve ser 100% suína, e o método de preparo é bastante parecido com o de receitas mais tradicionais e caseiras. Normalmente, é composta por 80% de carne e 20% de gordura.

Confira as informações nutricionais de 100g do alimento:

  • 350 calorias;
  • 30g de gorduras;
  • 20g de proteína;
  • 3g de carboidratos;
  • 1200mg de sódio.

Leia também: Adoçantes sem açúcar: OMS faz novas recomendações. Entenda

Tipos de mortadela: de aves

Feita exclusivamente com carnes de aves, como peru e frango. Costuma concentrar menos gordura e calorias do que outros tipos. Confira as informações nutricionais de 100g do alimento:

  • 200 calorias;
  • 10g de gorduras;
  • 15g de proteína;
  • 3g de carboidratos;
  • 800mg de sódio.

Fontes:

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

foto de um prato colorido com legumes, salada e grãos
Alimentação Bem-estar Receitas

Encontrar receitas vegetarianas é difícil para você? Veja 20 opções!

Aqui na Vitat, você consegue encontrar inúmeras opções de receitas vegetarianas para variar o seu cardápio. Separamos algumas, confira!

5 benefícios da banana
Alimentação Bem-estar

5 benefícios da banana para os atletas

Liberação gradual de energia e recuperação muscular são alguns dos benefícios. Veja outros!