Saúde mental no trabalho: Como abordar o assunto

6 de fevereiro, 2020

Nos dias atuais, o ritmo acelerado num ambiente de trabalho, prazos curtos, competitividade entre os funcionários e a necessidade de ter um alto desempenho são fatores que podem afetar a vida profissional. Por isso, é tão importante cuidar da saúde mental no trabalho. 

De acordo com a Organização mundial da Saúde (OMS), cerca de 300 milhões de trabalhadores ao redor do mundo sofrem de depressão, sem contar outros transtornos como a ansiedade, síndrome de burnout, entre outros.

Por isso, é importante criar um ambiente de trabalho saudável em que o bem-estar dos funcionários seja prioridade. Assim, é preciso olhar para a saúde mental dá maneira que temos olhado para os cuidados com o corpo. Afinal, a saúde mental muitas vezes é deixada de lado por se manifestar de forma silenciosa. 

Leia também: Maneiras de levar mindfulness ao trabalho sem precisar meditar

Além disso, uma equipe confiante e com a saúde mental em dia apresenta melhora nos relacionamentos e, consequentemente, trabalha de forma mais ambientada. Dessa forma os trabalhadores crescem não só individualmente, mas também como um grupo.

Siga nossas dicas para poder falar sobre saúde mental no trabalho de uma forma fácil. 

Mude seu pensamento

Você pode hesitar em pedir ajuda se você ou alguém próximo estiver lidando com depressão, ansiedade ou algum tipo de transtorno mental. Entretanto, é importante começar a falar sobre condições de saúde mental tanto quanto como câncer ou diabetes por exemplo. O medo de falar sobre o tema acaba impedindo as pessoas de procurarem ajuda.

Leia também: Posições de yoga para fazer na cadeira do trabalho

Saiba dar feedback

Os feedbacks são essenciais para o crescimento profissional. Porém, a forma como os líderes dão esse retorno pode ser devastadora para a saúde mental dos funcionários. Mas isso não quer dizer que o gestor não deve ser firme e sincero na hora de cobrar os erros, desde que seja respeitoso.

Leia também: Como usar a inteligência emocional no trabalho

Sendo assim, da mesma forma que as críticas são feitas, é preciso saber elogiar um trabalho bem elaborado. Enaltece os pontos positivos do colaborador e agradeça pelo bom resultado.

Se abra

Quanto mais as pessoas falarem sobre esse assunto no ambiente de trabalho, mais isso será normalizado. É possível, por exemplo, compartilhar que um ente querido estava lidando com depressão e falar sobre o quão difícil foi. Ao ouvir isso, os funcionários irão saber que a saúde mental é algo que deve ser tratado. 

Considere um novo emprego

Quando as situações chegam ao ponto de você achar que não  pode discutir com seu chefe sobre questões de saúde mental, talvez você precise repensar se deve continuar ali. Trabalhar em um lugar que esgota sua mente pode desencadear transtornos irreparáveis.

Leia também: Síndrome de Burnout: O que é e como evitá-la

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.