Como cuidar da rosácea no verão? Confira dicas valiosas

5 de novembro, 2021

A rosácea é uma doença inflamatória crônica da pele que está associada a uma alteração nos vasos sanguíneos e se manifesta de formas variadas. Além disso, alguns fatores podem agravar o quadro — é o caso do calor. O que deixa muita gente em dúvida sobre como cuidar da rosácea no verão. Confira:

O que é a condição

“Vermelhidão, pequenos vasos na pele (as telangiectasias), pápulas e pústulas são algumas das manifestações mais comuns”, explica a dermatologista Adriana Vilarinho, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia (AAD).

As famosas manchinhas avermelhadas costumam deixar a região bastante sensível e aparecem, principalmente, no rosto. “Podem ainda surgir na testa, no queixo e até nos olhos”, complementa a dermatologista Paula Cordeiro.

As mulheres com idade entre 30 e 50 anos são as que mais sofrem com a rosácea, embora homens também possam desenvolver a condição. A inflamação, que não tem cura, atinge ainda pessoas com tons de pele clara e olhos mais claros.

Segundo Adriana, as causas exatas da rosácea seguem sendo um mistério, no entanto, há alguns fatores relacionados ao problema, como herança genética, questões hormonais e uso de determinados medicamentos.

Leia também: Melhores e piores alimentos para quem sofre com rosácea

A rosácea e o verão

Diferentes agentes podem influenciar e até piorar as manchinhas. Entre eles estão alimentos muito quentes ou condimentados, uso de produtos com certos ácidos e problemas emocionais. Além disso, um dos principais vilões da rosácea é a exposição ao sol — sobretudo quando por tempo prolongado e sem a devida proteção.

É por isso que o verão exige um cuidado ainda maior no caso de quem tem rosácea. “O calor e a luz do sol fazem com que os pacientes experimentem uma piora da inflamação da pele”, diz Adriana. Isso acontece porque ambos os fatores provocam um aumento na dilatação dos vasinhos do rosto, deixando as marquinhas vermelhas em evidência.

Leia também: Por que o microbioma é importante para a saúde?

Como cuidar da rosácea no verão?

“O primeiro cuidado (que é o mais importante) é usar sempre o filtro solar”, reforça Adriana. “Evitar se expor ao sol sem proteção, lavar o rosto com água fria, usar sabonetes e produtos com propriedades calmantes são ótimas opções para quem tem rosácea e não quer se descuidar no verão” . Ademais, acessórios como chapéu ou boné e óculos de sol completam esse pacote de prevenção.

Em relação aos tratamentos dermatológicos para melhorar o problema, a dermatologista indica cremes com ácidos específicos, antibióticos, procedimentos a laser e luz pulsada. “Lembrando que cada caso é um caso e, por isso, deve ser avaliado pelo médico”, adverte.

Por fim, vale evitar mudanças extremas de temperatura, bebidas alcoólicas, alimentos apimentados e situações de estresse, que tendem a piorar os quadros de rosácea. “Dieta balanceada, hábitos de vida saudáveis e rotina de skincare devem andar sempre juntos”, conclui Adriana.

Leia também: O que acontece com sua pele quando você está estressada

Fontes: Adriana Vilarinho, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia (AAD); e Paula Cordeiro, médica dermatologista.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.