Reflexologia: saiba tudo sobre a técnica terapêutica

30 de setembro, 2019

Você sabia que os pés são um mapa do nosso corpo? É o que sugere a reflexologia, uma técnica milenar de origem chinesa.

Cada ponto, segundo a modalidade, representa um órgão e uma parte do corpo humano, que é estimulado por meio de massagem específica na região. 

Para que serve

A reflexologia tem diversas finalidades. Pode ter função relaxante e analgésica para os pés, principalmente para quem sofre com formigamentos por trabalhar muito de pé, usar saltos ou calçados desconfortáveis; ou atua de forma terapêutica e auxiliar em diversos problemas ou mesmo na identificação de patologias até então desconhecidas

Por cada ponto do pé estar diretamente ligado a um órgão, é possível aliviar uma crise de enxaqueca pressionando a área correspondente à cabeça (no caso, o dedão do pé). 

Portanto, a reflexologia pode ser um tratamento auxiliar para diversas enfermidades e desconfortos físicos. 

Como funciona

A reflexologia pode ser feita por um massoterapeuta ou fisioterapeuta habilitado na técnica. 

Clínicas de fisioterapia, estética, spas e até alguns salões de beleza oferecem o serviço, que dura entre 1h e 1h30. 

A sessão pode ser feita em uma sala com iluminação fraca e música ambiente tranquila para a pessoa se sentir à vontade para receber a massagem nos pés. 

Essa massagem é realizada em movimentos circulares e a pessoa sinaliza para o reflexologista se possui algum problema de saúde ou incômodo. 

Dessa forma, o profissional desenvolve um protocolo em que considera quais regiões devem ser manipuladas com maior ênfase e quais delas não devem receber estímulo.

Leia também: Massagem: Tipos e benefícios

Benefícios da reflexologia

  • Alívio de dores nos pés
  • Relaxamento e bem-estar que podem amenizar episódios de ansiedade
  • Auxiliar no tratamento de diversos problemas de saúde, como dores de cabeça, no nervo ciático, estômago etc. 
  • Não existem comprovações científicas, mas há relatos de que a reflexologia pode ser uma boa aliada da depressão, pois acredita-se que a técnica ajuda a movimentar a energia estagnada do corpo. Essa suposta ação pode melhorar a disposição, já que também mexe com pontos ligados ao estado emocional. 

Fonte: Ricardo Lombardi, terapeuta holístico que atua em conjunto com psicólogos e psiquiatras e utiliza técnicas da massoterapia com o objetivo de reduzir os sintomas da depressão, síndrome do pânico e ansiedade. 

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.