Hemorroidas na gravidez são graves? Saiba o que fazer

Gravidez e maternidade Saúde
21 de Março, 2022
Hemorroidas na gravidez são graves? Saiba o que fazer

Embora sejam desconfortáveis, as hemorroidas na gravidez ocorrem com frequência. Segundo Mariana Rosario, ginecologista, obstetra, mastologista e membro do corpo clínico do hospital Albert Einstein, o principal motivo é a pressão intra-abdominal. No decorrer da gestação, o bebê se desenvolve e o útero também aumenta o tamanho. Assim, o peso do feto, associado ao peso da mamãe, pressionam a região pélvica. “Além disso, existem as alterações no hábito intestinal. A gestante fica mais constipada, quadro que facilita o aparecimento das hemorroidas”, acrescenta Rosario.

Veja também: Como limpar e organizar a casa para a chegada do bebê

O que são hemorroidas?

As hemorroidas são dilatações dos vasos localizados na região do ânus. Elas podem ser internas ou mais aparentes, perceptíveis ao alcance do toque. Por se tratar de uma área mais sensível, é comum que o inchaço incomode e cause dores ao ir ao banheiro, ou ao se sentar. Principalmente durante a gravidez, cujo sistema vascular pode ficar mais sobrecarregado e causar hemorroidas mais doloridas. Veja os outros sintomas:

  • Sangue nas fezes.
  • Coceira no ânus.
  • Saliência no ânus, caso a hemorroida seja externa.

Como evitar as hemorroidas na gravidez?

A princípio, para não ser vítima das hemorroidas, é importante cuidar da alimentação. Apostar em uma dieta rica em fibras e em alimentos de fácil digestão podem evitar a constipação intestinal. Aumentar o consumo de água também é uma boa estratégia, pois a hidratação deixa as fezes mais maleáveis. Além disso, beber bastante água evita o inchaço causado pela retenção de líquidos, uma queixa frequente entre as gestantes.

No entanto, saiba que as hemorroidas ainda podem se manifestar, pois os demais fatores são mais difíceis de serem controlados. Por exemplo, é possível controlar o seu peso durante a gestação se não houver problemas hormonais. Contudo, isso não garante que você estará livre das hemorroidas, pois o peso do bebê também conta. Por isso, converse sempre com seu ginecologista e obstetra sobre outras formas de prevenção.

Em qual período da gravidez é mais comum o surgimento das hemorroidas?

As hemorroidas na gravidez podem aparecer em qualquer trimestre. Mas geralmente são mais frequentes nos últimos meses de gestação. Se o parto for normal, há uma forte tendência em adquirir as hemorroidas devido ao esforço para empurrar o bebê.

Tratamento

De acordo com Mariana Rosario, o tratamento começa pela alimentação focada em melhorar a constipação intestinal. “Também pode ser feito o uso de pomadas com anestésico para aliviar as dores, e medicamentos para melhorar a circulação do sangue. Devido ao risco, a cirurgia é recomendada apenas em situações de urgência”, explica a especialista. Durante o tratamento, é importante seguir outras orientações:

  • Levantar sempre que possível. Permanecer longos períodos sentada pode pressionar a hemorroida. Pequenas pausas ao longo do dia, com curtas caminhadas, são desejáveis.
  • Evitar o uso de papel higiênico, caso a hemorroida seja externa. O atrito pode inflamar a região dilatada e causar mais desconforto. Por isso, é importante higienizar a região com lenços umedecidos ou lavar delicadamente com água e sabonete neutro.
  • Cortar alimentos que estimulam a dilatação e inflamação, como pimenta, frituras e condimentos muito fortes.
  • Por fim, não fazer tratamentos caseiros por conta própria. Consulte sempre seu médico!

Fonte: Mariana Rosario (@dramarianarosariogineco), ginecologista, obstetra e mastologista, membro do corpo clínico do hospital Albert Einstein. CRM SP-127087.

Sobre o autor

Amanda Preto
Jornalista especializada em saúde, bem-estar, movimento e professora de yoga há 10 anos.

Leia também:

mulher se consultando com um médico
Bem-estar Saúde

Preparação para a bariátrica vai além dos exames e envolve mudanças de vida

Antes de entrar no centro cirúrgico, o candidato à cirurgia bariátrica percorre um caminho de preparação que promete mais do que a perda de peso: uma

tempo em frente às telas
Alimentação Bem-estar Equilíbrio Saúde

Maior tempo em frente às telas está associado à piora da dieta de adolescentes

Pesquisa brasileira avaliou dados de 1,2 mil adolescentes e constatou que a maioria gasta mais de 2 horas de tempo em frente as telas

bebê pode comer camarão
Alimentação Bem-estar Gravidez e maternidade

Bebê pode comer camarão? Pediatra explica

Crianças podem ser introduzidos a frutos do mar a partir dos 6 meses de idade, segundo a SBP