Guaraná: Conheça os benefícios do alimento

21 de janeiro, 2020

O guaraná é uma planta típica da Amazônia, assim como o açaí, e muito querida e utilizada no Brasil. É usada no preparo de diversas bebidas e vitaminas, especialmente por seu potencial energético. No comércio, o fruto pode ser encontrada de diversas maneiras, sendo a mais comum em pó.

Rico em cafeína, é também abundante em diversas vitaminas, como a A, a E, a B1, a B3 e a PP. Além disso, é cheio de minerais, por exemplo, o cálcio, o magnésio, o ferro, o potássio e o fósforo.

Leia também: Açaí emagrece?

Benefícios do guaraná

Fonte de energia

Formado principalmente por carboidratos, é excelente fonte de energia, por isso, é comumente adicionado em vitaminas, rendendo grande quantidade de energia. Mais, a planta é mesmo excelente: estimula o sistema nervoso, assim, combate a fadiga e facilita a atividade física. 

Evita a retenção de líquido

Agindo como um diurético natural, ajuda na maior eliminação de toxinas do corpo. Portanto, evita a retenção de líquido no corpo e, assim, ajuda no emagrecimento, evita inchaços e, certamente, beneficia também a saúde da pele, por exemplo, evitando a acne. 

Combate o estresse

Além de minimizar sintomas da depressão, bem como estimular a libido, agindo como um afrodisíaco, esse “fruto mágico” possui propriedades calmantes, portanto, age no combate do estresse

Também, age no tratamento de enxaquecas e dores de cabeça. Além disso, está associada a diminuição dos níveis de colesterol no sangue.

Riscos do consumo do guaraná

Os riscos do excesso de pó de guaraná estão associados à quantidade de cafeína no corpo. Tal condição pode causar sintomas como ansiedade, irritabilidade, tremores e possivelmente acarretar no aumento de batimentos cardíacos e palpitações. Assim, não é recomendado associar o pó de guaraná a outras bebidas com cafeína (café, chá, refrigerantes) porque pode potencializar o efeito e causar superdosagem.

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo