Dieta sem glúten emagrece?

19 de agosto, 2019

Ao lado da lactose, o glúten é considerado o vilão alimentar do momento para quem quer emagrecer. E, a dieta sem glúten ganhou força mesmo entre quem não possui alergia ou intolerância a ele. 

O glúten é uma proteína vegetal. Ela está presente no trigo, na aveia, no centeio, na cevada, no malte e em todos os produtos que utilizam um desses ingredientes em seu preparo, como é o caso de bolos, pães, pizza, bebidas fermentadas como a cerveja.

O consumo dessa proteína por pessoas com alergia ou celíacas desencadeia uma reação autoimune que danifica o revestimento do intestino delgado, causando diarreia, gases, inchaço e outros sintomas como irritabilidade, cãibras musculares, erupções na pele, anemia, além de um risco de desenvolver câncer intestinal. Mesmo quem nasce sem a doença, pode vir a enfrentar problemas mais tarde.

Mas, dieta sem glúten emagrece? 

A associação que muitas pessoas fazem do glúten com inchaço no corpo não está errada. A retenção de líquidos muitas vezes é sinal de intoxicação. Ao retirar a ‘toxina’, ele desincha. 

De toda forma, é importante esclarecer que o glúten isoladamente não é responsável pelo aumento de peso. Mas sim o consumo excessivo de alimentos que o contenham, como é o caso de pães, biscoitos, pizzas e bolos. Sendo assim, essas pessoas que emagrecem retirando o glúten da alimentação não estão emagrecendo pela exclusão dessa proteína, mas porque o consumo de calorias está menor.

Segundo o CRN (Conselho Regional de Nutricionistas) essa dieta só deve ser seguida por pessoas portadoras da doença celíaca. Ou seja, quando há uma intolerância do organismo em relação ao glúten, o que pode ocasionar lesões na parede intestinal e resultar em deficiência na absorção de nutrientes.

Leia também: Posso comer chocolate na dieta low carb?