Três a cada dez brasileiros terão obesidade até 2030, segundo estudo

Saúde
25 de Agosto, 2022
Três a cada dez brasileiros terão obesidade até 2030, segundo estudo

O Brasil vive uma crescente epidemia de obesidade, de acordo com o estudo “Time trends and projected obesity epidemic in Brazilian adults between 2006 and 2030”, publicado no periódico científico Scientific Reports. Entre os dados que evidenciam essa conclusão está a estimativa de que três a cada dez brasileiros terão obesidade até 2030.

Para chegar a esse desfecho, pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais em conjunto com ademais instituições nacionais e internacionais analisaram os números do levantamento Vigitel, com 730.309 participantes, ouvidos entre 2006 e 2019 por meio de entrevistas telefônicas. A partir dessa avaliação, conclui-se que, por exemplo, a prevalência de:

  • Sobrepeso saltou de 30,9% para 35,1% de 2006 para 2019;
  • Obesidade avançou de 8,6% para 14,6% de 2006 para 2019;
  • Obesidade tipos 2 e 3 aumentou de 3,2% para 5,6% de 2006 para 2019.

Assim, percebe-se que a prevalência da obesidade aumentou 72% nos 13 anos analisados. Além disso, houve um acréscimo de 76% na prevalência de obesidade tipos 2 e 3.

Leia mais: Obesidade é uma doença crônica ou fator de risco? Especialista esclarece

Três a cada dez brasileiros terão obesidade até 2030: e o que mais sabe?

Já na projeção até 2030, os números mostram-se ainda mais delicados. Calcula-se que haverá uma prevalência de 68,1% para sobrepeso, 29,6% para obesidade e 9,3% para obesidade tipos 1 e 2 entre os brasileiros. Além disso, percebe-se que a predominância da obesidade será maior entre mulheres do que homens: 30,2% e 28,8%, respectivamente.

“Estima-se, inclusive, que adultos de meia-idade, negros e outras etnias minoritárias bem como aqueles com menor nível educacional terão prevalências mais altas de obesidade até 2030”, destaca o estudo.

A pesquisa ainda revela que, daqui oito anos, um quarto da população adulta pode estar vivendo com obesidade em 24 das 27 unidades geográficas do Brasil. Assim, as capitais do Norte e Centro-Oeste tendem a ser as mais afetadas, como Manaus, Cuiabá e Rio Branco. Já as menos abaladas tendem a ser Florianópolis, Palmas e Curitiba.

Vitat Cuida

Para ajudar na mudança desse cenário, afinal, essa missão é coletiva, lançamos o Vitat Cuida – De bem com seu peso. Ele é um cuidado especializado de saúde e alimentação, com uma nutricionista para chamar de sua, que vai guiá-la durante toda a jornada para reduzir os possíveis riscos de saúde associados ao excesso de gordura corporal. Vamos juntos nessa? Clique aqui para saber mais sobre o programa ou, se preferir, clique na imagem abaixo!

Leia também:

mulher se consultando com um médico
Bem-estar Saúde

Preparação para a bariátrica vai além dos exames e envolve mudanças de vida

Antes de entrar no centro cirúrgico, o candidato à cirurgia bariátrica percorre um caminho de preparação que promete mais do que a perda de peso: uma

tempo em frente às telas
Alimentação Bem-estar Equilíbrio Saúde

Maior tempo em frente às telas está associado à piora da dieta de adolescentes

Pesquisa brasileira avaliou dados de 1,2 mil adolescentes e constatou que a maioria gasta mais de 2 horas de tempo em frente as telas

corredor abaixado segurando a perna aparentemente com dor
Bem-estar Movimento Saúde

Será que eu estou com canelite? Médico destaca principais sinais

A condição é uma das principais preocupações entre os corredores. Ortopedista explica como identificar os sintomas característicos da canelite