Talco no cabelo: para que serve e quais os malefícios?

Beleza Bem-estar
21 de Fevereiro, 2022
Talco no cabelo: para que serve e quais os malefícios?

Com certeza, você já ouviu falar ou conhece alguém que usa talco no cabelo. Esse truque caseiro e, aparentemente, inofensivo, já conquistou muitos adeptos na hora de tirar a oleosidade dos fios. Mas será que essa técnica simples traz malefícios para a nossa saúde capilar? Saiba mais a seguir! 

Para que serve o talco no cabelo?

Para saber tudo sobre o talco no cabelo, nós conversamos com a dermatologista Dra. Anelise Dutra, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

A especialista explica que o talco aplicado nos fios serve para redução de oleosidade do couro cabeludo, porém, esse não é o produto mais indicado para essa finalidade.

“O ideal é usar shampoo seco e fazer as lavagens com shampoos adequados ao seu tipo de couro cabeludo”, recomenda. 

Mas sabemos que na hora de uma emergência, na falta de um produto específico para remover a oleosidade do cabelo, muitas mulheres utilizam o talco nos fios. 

Os efeitos do talco no cabelo

Como dito, ao passar talco no cabelo, o produto absorve a umidade e a oleosidade dos nossos fios. Além disso, a dermatologista acredita que essa pode ser uma solução de emergência para salvar fios muito oleosos. Isso porque o maior benefício do talco é retirar a umidade do couro cabeludo para reduzir a oleosidade.

Sem dúvidas, esse é um velho truque para tirar a oleosidade do cabelo nos momentos em que você não teve tempo de lavar ou não possui um shampoo seco.

“Mas se o talco não for usado da maneira correta, os fios podem ficar melados, brancos e com um aspecto sujo”, sinaliza a Dra. Anelise Dutra.

Como passar

Se você quer apostar nesse truque, então veja o passo a passo para passar talco no cabelo, de acordo com as instruções da dermatologista. 

  1. Primeiro, deposite o talco nas mãos.
  2. Em seguida, aplique-o massageando o couro cabeludo com movimentos circulares leves.
  3. Faça os movimentos por cerca de 20 segundos, até o produto desaparecer.
  4. E pronto!

“Dessa maneira, seu couro cabeludo elimina o excesso de oleosidade, mas mantém a quantia necessária para deixar os fios hidratados e bonitos”, esclarece a dermatologista. 

Usar talco no cabelo oleoso

Quem possui fios oleosos sente muito incômodo quando a oleosidade se torna visível na raiz, tornando a aparência pesada e com aspecto sujo, mesmo se os fios foram lavados no dia anterior.

Por isso, por uso emergencial, o talco no cabelo oleoso parece ser uma boa solução, mas é importante manter um autocuidado específico.

A Dra. Anelise Dutra exemplifica como deve ser o uso desse produto no cabelo oleoso: “basta aplicar o talco na raiz do couro cabeludo e massagear até desaparecer. Porém, não se recomenda dormir com o talco no cabelo”.

Outros cuidados com os fios oleosos devem ser levados em consideração, como a lavagem com água morna ou fria, uso de shampoo antirresíduos uma vez por semana e produtos capilares específicos para esse tipo de fio. 

Passar talco no cabelo sujo

A especialista informa que o talco pode ser usado no cabelo sujo, afinal, ele possui o efeito de remover a oleosidade em excesso dos fios. 

Porém, é preciso ter cuidado para não causar um efeito contrário e deixar o cabelo ainda mais com aparência de sujo.

Em cabelos cacheados

O cabelo cacheado possui um tipo de fio mais sensível e por isso precisa de tratamento especial.

Segundo a Dra. Anelise Dutra, a aplicação nos cabelos cacheados é a mesma aplicada nos outros tipos de fios: “apenas com movimentos mais sutis de massagem”.

No entanto, é preciso ter muito cuidado porque o talco oferece volume ao cabelo. Se não for desejado esse efeito estético volumoso, então use o produto com moderação ou prefira a lavagem dos fios

Pode usar talco para limpar o cabelo?

Será que o talco pode se tornar o substituto da lavagem? Quando devemos realmente passar esse produto nos fios?

A dermatologista aconselha que o talco deve ser usado apenas em situações em que não é possível usar os produtos específicos para tratar oleosidade do couro cabeludo, ou seja, em casos esporádicos.

“Aplique quantidades pequenas e massageie o couro cabeludo levemente até o produto desaparecer. Mas o uso dele não substitui a lavagem para limpeza dos fios”, recomenda.

Pode usar talco como shampoo a seco?

Naquele momento em que não temos um shampoo a seco, acabamos escolhendo produtos caseiros conhecidos por remover a oleosidade como o talco. 

Porém, seu uso deve ser usado em situações esporádicas: “o ideal é usar nos cabelos apenas produtos específicos para cabelos. Isso porque eles têm tecnologias cada vez mais avançadas para agir no foco do problema. No lugar do talco no cabelo, prefira o shampoo seco”, aconselha a dermatologista.

Outro truque semelhante ao talco no cabelo é o uso de polvilho antisséptico nos fios, um produto derivado do enxofre que atua nas assaduras, brotoejas e odores causados pela transpiração, especialmente na região dos pés e axilas. 

Apesar de muitas pessoas acreditarem que o polvilho antisséptico é talco, na verdade, não é o mesmo produto. Ele possui um cheiro mais forte.

A especialista adverte: “Não deve ser usado em couro cabeludo, pois gera ressecamento e quebra dos fios”.

Os malefícios

Apesar de ser comum usar talco no cabelo para tirar a oleosidade dos fios, esse hábito não é o mais ideal e pode trazer alguns malefícios para nossa saúde capilar.

“As partículas e resíduos do produto podem aderir ao couro cabeludo, podendo obstruir os poros, prejudicando o crescimento dos fios e causando outros problemas graves, como alergias e queda de cabelo”, alerta a Dra. Anelise Dutra.

Além disso, usar talco no cabelo não deve se tornar um hábito diário. Segundo a dermatologista, não é adequado usar talco no cabelo diariamente, pois pode obstruir a saída dos folículos gerando dermatites e aspecto de fios sujos.

Sendo assim, o ideal é não usar talco no cabelo porque os resíduos desse produto podem obstruir a raiz do cabelo, podendo resultar em caspa, cabelos com aspecto de pesado, sujos e brancos. “Não substitui a lavagem!”, avisa a especialista.

Fonte: Dra. Anelise Dutra, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Proteja seus lábios no frio

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

lesões no beach tennis
Bem-estar Movimento

Lesões no beach tennis: joelho e ombro são as mais comuns. Veja como evitar

Assim como em outras atividades, também há risco de lesões no Beach Tennis. Portanto, veja dicas de como evitar lesões como epicondilite lateral.

fasting mimicking
Alimentação Bem-estar

Diet Fasting Mimicking: o que é o método que imita jejum?

A metodologia restringe calorias por um período de tempo determinado

óleo de coco
Alimentação Bem-estar

Óleo de coco: benefícios e possíveis usos

Multiuso e cheio de benefícios, o óleo de coco é um dos destaque do momento para quem procura uma vida mais saudável. Saiba mais