Veja os melhores suplementos para a mulher que vai amamentar

11 de setembro, 2021

A gravidez mexe completamente com o corpo da mulher. Isso porque além do crescimento da barriga, alterações hormonais, taxas de micronutrientes e variação de peso influenciam no desenvolvimento do bebê que vai chegar. Após o parto, o cenário não é diferente, já que a amamentação exige um esforço constante do organismo para garantir a produção diária de leite. Portanto, o uso de suplementos é muito importante na hora de amamentar.

Dessa forma, o ferro e o ácido fólico são as vitaminas mais importantes para a gestação seguir de forma saudável. A primeira evita a anemia da futura mamãe, enquanto a segunda reduz o risco de rompimento da placenta e garante o fechamento do tubo neural do feto.

Mas, quando a alimentação não é suficiente para atender todas as necessidades do corpo, os médicos indicam a suplementação para evitar a deficiência de nutrientes.

Leia também: Como lidar com a ansiedade e o estresse na amamentação

Por que os suplementos são importantes para amamentar?

Porque a nova mamãe pode queimar até 800 calorias por dia, o equivalente a meia hora de caminhada, durante a atividade intensa das glândulas mamárias. De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade da Geórgia, nos Estados Unidos, a perda de peso chega a dois quilos por mês sem esforço.

“O indicado é a mãe manter a vitamina já receitada pelo médico durante a gestação. Além de ácido fólico, ferro, cálcio, zinco, vitamina C, D, E e complexo B, é importante suplementar Ômega 3”, sugere Luciana Taliberti, ginecologista e obstetra.

Depois de três meses do nascimento, é comum que aconteça o eflúvio telógeno, que é uma queda de cabelo intensa. Além disso, o cansaço da mãe ainda pode se agravar com as noites mal dormidas e com o processo da amamentação. A suplementação vitamínica prescrita pelo médico não só ajuda a minimizar estes sintomas, como também auxilia em alterações hormonais que podem ocorrer no pós-parto. “O melhor horário para tomar é antes das refeições, cerca de 30 minutos. O ideal seria junto com sucos que tenham vitamina C porque eles ajudam a absorver o ferro”, ensina Luciana.

Leia também: Aleitamento materno: Tudo o que você precisa saber sobre amamentação

Melhores suplementos para amamentar

A seguir, a profissional lista as vitaminas essenciais:

Ferro

Durante o parto, a mãe tem uma perda importante de sangue. Portanto, suplementar durante a amamentação é fundamental para retomar os índices necessários.

Cálcio

Essencial para a formação dos ossos e dos dentes, além de participar dos processos funcionais do sistema nervoso, do coração e da coagulação do sangue. A falta do mineral pode provocar perda de densidades ósseas.

Leia também: Como tratar a depressão pós-parto durante a amamentação?

Complexo B

Um grande aliado do cabelo (que costuma cair bastante), da pele, dos olhos, do intestino, dos glóbulos vermelhos e do sistema nervoso central.

Vitamina C

Auxilia na melhora da imunidade e na absorção do ferro, que é fundamental para evitar uma anemia.

Vitamina D

Previne doenças autoimunes, aumenta a absorção de cálcio e ajuda na imunidade.

Suplementos para amamentar: Ômega 3

Família de ácidos graxos primordial para a formação do sistema nervoso central, olhos e sistema imune fetal. Ademais, pode influenciar no desenvolvimento da cognição infantil. Após o nascimento do bebê, as reservas maternas são depletadas durante a amamentação e é preciso suplementar.

Leia também: 6 cuidados com os seios durante a amamentação

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.