Bebê sofre graves queimaduras de limão e mãe faz alerta

Gravidez e maternidade Saúde
09 de Fevereiro, 2023
Bebê sofre graves queimaduras de limão e mãe faz alerta

No verão, muitas mães costumam oferecer frutas refrescantes para os seus pequenos se deliciarem e se alimentarem de forma saudável. Em especial, o limão é uma das opções que poder ser servidas às crianças, uma vez que trata-se de um alimento rico em vitaminas e minerais. Porém, a combinação da fruta com a exposição solar pode ser especialmente perigosa — tanto para crianças quanto para adultos — e causar queimaduras de limão

Recentemente, uma mãe australiana postou nas redes sociais um alerta sobre o perigo dessa combinação. Ela relatou que seu filho, Otis, sofreu uma queimadura no peito após espremer limão com os primos em casa. No entanto, o problema só foi identificado após alguns dias do acontecimento, quando a mãe enxergou uma mancha na região com o formato de líquido escorrendo. Ao levá-lo a um hospital de emergência, foi constatado que o menino sofreu queimaduras graves por conta da exposição ao sol e do efeito do limão na pele, além disso, ele também ficou com bolhas nos braços.  

queimaduras-de-limao-2

Foto: Reprodução Facebook.

A mulher comentou que não tinha conhecimento de que a fruta poderia causar esse tipo de incidente e reforça a informação para que outros pais possam evitar o mesmo problema. Essa não é a primeira vez que mães relatam acidentes envolvendo a exposição solar e o limão. Em novembro, também na Austrália, uma mulher compartilhou uma situação semelhante nas redes sociais, no entanto, o desfecho foi ainda mais sério: as queimaduras eram maiores e mais graves do que as do bebê Otis. 

Mas afinal, por que frutas como o limão, que parecem inofensivas, podem causar esse tipo de queimadura? Continue lendo e entenda. 

Leia também: Como proteger a pele das crianças e bebês do sol do verão?

Queimadura de limão: entenda o que é fitofotodermatite 

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a “fitofotodermatite é uma dermatose que ocorre por uma combinação de contato com planta fotossensibilizante e exposição à radiação solar”. O principal exemplo é o que aconteceu com o pequeno, ou seja, a queimadura devido à união de limão e sol.

A fitofotodermatite é assim chamada quando ocorre o aparecimento de lesões avermelhadas em formato linear (fazendo o caminho do suco, por exemplo) após o contato da seiva da planta e a exposição solar. De acordo com a SBD, esses sintomas surgem entre 24 e 48 horas após o episódio. Os principais sinais de queimadura são: bolhas e manchas vermelhas que podem coçar e/ou arder. Além disso, com o tempo, as manchas vão se tornando mais escuras, em vez de clarearem.

Porém, outros alimentos também podem causar a fitofotodermatite por terem o composto químico chamado furocumarina, como:

Como evitar queimaduras de limão

A prevenção é essencial. Assim, a SBD orienta evitar o contato com as substâncias que podem ocasionar as queimaduras antes ou durante a exposição solar. Vale ressaltar que mesmo um dia nublado pode causar esse problema, por isso, sempre que possível, evite. Além do risco para crianças, adultos também podem ser expostos a queimaduras de limão por meio do preparo de caipirinhas, limonadas, tempero de carnes, etc.

No entanto, se não for possível evitar o limão, deve-se lavar bem as regiões de contato com sabão neutro e água corrente. Por fim, recomenda-se evitar a exposição dos locais ao sol.

Vale reforçar que alguns perfumes contêm substâncias que também podem gerar lesões na pele. Por isso, evite-os antes de ir à praia ou à piscina.

Tratamento da fitofotodermatite

Deve-se procurar um dermatologista diante do aparecimento dos sintomas associados à fitofotodermatite. Assim, o tratamento pode seguir diferentes caminhos dependendo da avaliação clínica. O médico pode fazer uso de corticoides, hidratantes e até substâncias despigmentantes – mas tudo depende da orientação do especialista.

Referências:

 

Sobre o autor

Tayna Farias
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em gravidez e maternidade

Leia também:

vitamina B e dengue
Saúde

Vitamina B previne a picada do mosquito da dengue?

Sem comprovação científica, a técnica popular pode levar a população a uma falsa sensação de segurança

Efeitos da vacina de Covid
Saúde

Efeitos da vacina da Covid: primeiro grande estudo mostra resultados

Segundo estudo, os efeitos da vacina são menores do que a infecção pela doença

disuria
Saúde

Disúria: entenda as causas, sintomas e tratamentos da dor ao urinar

O sintoma, popularmente chamado de dor ao urinar, pode ter diversas causas, sendo a infecção urinária a principal