Muay Thai: O que é e benefícios

26 de setembro, 2019

Procurando uma modalidade de luta para a prática de exercício físico? O Muay Thai pode ser uma opção.

A atividade melhora o condicionamento físico, comportamento, padrão de movimento, composição corporal e ainda pode ser uma aliada do emagrecimento

O que é

O Muay Thai é um esporte do grupo de lutas ou arte marcial de contato direto tradicional da Tailândia e, por esse motivo, também é conhecido como Boxe Tailandês

Atualmente, são utilizados socos, chutes, cotoveladas e joelhadas próprios do método, os quais compõe a parte principal da aula e são estrategicamente organizados em uma sequência precedida pelo aquecimento e sucedida de mais uma série de exercícios.

Alguns acessórios fazem parte do esporte e você provavelmente irá encontrá-los na aula. Alguns exemplos são as cordas, que podem ser utilizadas para aquecimento e para trabalhar a resistência; os aparadores, que são segurados por um voluntário e servem como uma espécie de almofada para receber os golpes; além de luvas, caneleiras, protetor bucal e bandagens que são utilizadas para dar mais segurança ao praticante. 

Leia também: O que queima mais calorias: exercício aeróbico ou musculação?

Como surgiu?

Inicialmente, o Muay Thai  foi criado com intuito de ensinar os nativos a se defenderem das invasões de vizinhos.

Nessas guerras, eram utilizadas lanças, espadas e facas e, caso se perdesse o instrumento durante a luta, os golpes corporais seriam o meio de defesa. 

Hoje, no entanto, a luta se propagou com inúmeros objetivos, desde aprimorar capacidades físicas, aprender a autodefesa e, até mesmo, apenas se aproximar da cultura tailandesa.

Nessa arte marcial praticada há séculos, desenvolveram-se tradições como as relações do professor e aluno, o ensino da aplicação da modalidade apenas para o bem e o respeito ao próximo. 

Benefícios do Muay Thai 

  • Melhora do sistema cardiovascular;
  • Melhora do sistema respiratório
  • Mais força;
  • Ganho de massa magra;
  • Diminuição do percentual de gordura corporal;
  • Aprimoramento de técnicas de combate;
  • Agilidade;
  • Aumento da flexibilidade;
  • Aprimoramento da coordenação motora.

Quem pode fazer?

A modalidade se propagou entre os adultos e os pequenos – a partir de quatro anos de idade as aulas já podem ser iniciadas. É claro, cada um no seu ritmo e com sequências adequadas para cada faixa etária. 

Leia também: Fitness x Wellness: Você sabe a diferença?

Como a maioria dos praticantes não tem o intuito de se tornar atleta profissional, as observações são reduzidas, mas ainda existem. É importante, como em qualquer modalidade, manter os exames de saúde em dia, assim como ter autorização médica para participar. 

Em alguns casos, a prática pode ser prejudicial por oferecer golpes que causam impacto no corpo. Portanto, quem possui algum tipo de problema articular ou outras doenças que possam se agravar com as pancadas, o esporte pode ser contraindicado. 

Faça sua avaliação de peso, descubra seu peso ideal e aprenda a emagrecer com a Low Carb. Clique para saber mais

Como começar a praticar?

Para iniciar, basta procurar um estabelecimento que tenha esse tipo de luta. É importante ressaltar que a categoria exige prática presencial com professores qualificados, em escolas especializadas e academias. 

Portanto, prepare roupas confortáveis, compre os acessórios pessoais e esteja pronto para muito aprendizado.

Sobre o autor

Leticia Gaspar
Leticia Gaspar
Formada em Educação Física na UNIFESP, desenvolve pesquisas socioculturais na faculdade e tem experiência com modalidades para condicionamento e emagrecimento com adultos e idosos.