Janela de implantação: o que é e como afeta a FIV

Gravidez e maternidade Saúde
24 de Março, 2022
Janela de implantação: o que é e como afeta a FIV

Um dos termos mais importantes da gestação e da fertilização in vitro (FIV) é a janela de implantação. Mas, o que isso significa? A janela de implantação é o momento no qual o embrião chega ao útero. Seja através das tubas, quando ocorre uma gestação natural, ou pela transferência embrionária, no caso de uma fertilização, como explica a Dra. Paula Fettback, ginecologista especialista em infertilidade.

Como calcular e quanto tempo dura a janela de implantação?

A janela de implantação dura, em média, três dias, tendo como base um ciclo de 28 dias. Assim, o período é calculado a partir da ovulação. Geralmente, entre o 4º e 6º dias após a mulher ovular, o embrião chega ao endométrio. Em um ciclo de 28 dias, por exemplo, a janela de implantação ocorre entre o 18º e o 20º dia do ciclo.

Dessa maneira, na FIV, conhecer este período é essencial para fazer a transferência do embrião para o útero no momento certo. Contudo, no caso da FIV com embriões a fresco, a janela de implementação pode ser mais difícil de alcançar. Já que a ovulação é induzida e o número de hormônios cresce bastante. Assim, a fase do útero fica mais “avançada” em relação ao embrião. 

Já na FIV com o congelados de embriões, é possível adequar o útero ao embrião. Ou seja, a janela de implantação consegue ser melhor ajustada ao período em que o embrião é transferido para dentro do útero. Além disso, existem exames para avaliar a receptividade do endométrio para melhorar o momento da janela de implantação e transferência. “Dessa maneira, os resultados têm sido cada vez melhores usando o método de congelamento de embriões”, diz Paula.

Alimentos que ajudam na implantação do embrião na FIV

A médica afirma que a alimentação e hábitos de vida podem influenciar na fertilidade tanto masculina como feminina. Seja no início da nidação, na implantação e no desenvolvimento da gestação.

Segundo a nutricionista Aline Tiburcio, pacientes que recebem e seguem orientação nutricional tendem a ter o dobro de chances de engravidar do que aquelas que não acompanham a alimentação. “Assim, através da nutrição, é possível melhorar e cuidar da saúde do óvulo e do espermatozoide, aumentando as chances de sucesso do tratamento de FIV”, afirma a profissional.

Por fim, alguns alimentos que ajudam a estimular a fertilidade são maca peruana, canela de ceilão, gergelim e morango.

Leia também: Dieta e fertilidade: Alimentação pode ser uma aliada das tentantes?

Fontes: Dra. Paula Fettback, ginecologista especialista em infertilidade com ênfase em alta complexidade.

Aline Tiburcio, nutricionista especialista em fertilidade do casal, gestação, pós parto, saúde da mulher e bebês.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

benefícios da banana
Alimentação Bem-estar Saúde

Quais são os benefícios da banana para a saúde? Veja lista e receitas saudáveis

A banana é amiga do intestino, além de ser eficiente na prevenção de cãibras. Veja outros benefícios da fruta!

horário para treinar
Bem-estar Movimento Saúde

Estudo revela melhor horário para pessoas com obesidade treinaram

O estudo da Universidade de Sidney identificou benefícios do treino noturno para a saúde do coração

Uso de Ozempic e anestesia
Saúde

Uso de Ozempic e anestesia: pacientes precisam de cuidados especiais

Medicamentos aumentam o risco de aspiração pulmonar durante o procedimento. Entenda!