Inhame: Benefícios, o que é e para que serve

Alimentação Bem-estar
23 de Outubro, 2019
Inhame: Benefícios, o que é e para que serve

O inhame é um tubérculo encontrado no Sudeste e no Nordeste do Brasil. O nome é dado aos rizomas de mais de 600 espécies do gênero Dioscorea, que anteriormente eram chamados de cará em alguns locais do país. Mas, apenas 14 tipos são usados como alimento. 

São diversos nutrientes para a saúde, além do baixo índice glicêmico, quase uma ajudinha extra para quem quer emagrecer. Além disso, o inhame é fonte de carboidrato importante, mas não eleva as taxas de glicemia por conter uma quantidade alta de fibras. 

Assim, o ingrediente é versátil e são muitas as opções de receitas: purê, tapioca, bolinho, nhoque, pão, torta, sopa e até suco. Ou seja, coloque a criatividade para funcionar e inclua o tubérculo na sua alimentação.

100 gramas de inhame contém:

  • Valor energético: 406 calorias
  • Proteínas: 2,1g
  • Gorduras saturadas: 0,1g
  • Gorduras poliinsaturadas: 0,1g
  • Fibra alimentar: 1,7g
  • Fibras solúveis : 0,1g
  • Cálcio: 11,8mg
  • Piridoxina B6: 0,1mg
  • Fósforo: 64,7mg
  • Manganês: 0,2mg
  • Magnésio: 28,8mg
  • Lipídios: 0,2g
  • Ferro: 0,4mg
  • Cobre: 0,2ug
  • Zinco: 0,3mg
  • Por fim: tiamina B1: 0,1mg

Benefícios do inhame

O inhame é rico em ácidos graxos mono-insaturados, que são importantes para redução do colesterol LDL. Além disso, tem boas quantidades de vitamina C e vitaminas do complexo B (tiamina, riboflavina, niacina, ácido pantotênico, piridoxina e ácido fólico). Ou seja, colaborando para o funcionamento do organismo e também do sistema imunológico. Mas, com relação aos minerais, possui potássio, ferro, cálcio, fósforo, magnésio e cobre.  

  • Ajuda a controlar a pressão arterial;
  • Auxilia no relaxamento da musculatura;
  • Tem ação antioxidante;
  • Além disso, contribui para a produção de serotonina;
  •  Prevenção do câncer por ter boas quantidades de vitamina A e C;
  • Faz bem para o coração;
  • Além disso, combate o Alzheimer;
  • Por fim, evita a anemia.

Leia também: Tipos de pimentas: Características e benefícios

Inhame na dieta

Por ser rico em fibras, o inhame é considerado um carboidrato de baixo índice glicêmico. Ou seja, são liberados mais lentamente para a corrente sanguínea e evitam picos de glicemia. Como consequência, a insulina é produzida em menor quantidade evitando o o acúmulo de gorduras no abdômen. Além disso, favorece a sensação de saciedade. 

Consumo

O ideal é consumir o inhame cozido, assado ou no vapor, nunca cru. Mas, é importante lembrar que, apesar de saudável,  o tubérculo é uma fonte de carboidratos e pode ser calórico. Assim, a quantidade recomendada é de apenas uma porção ao dia. Por outro lado, grávidas e lactantes devem evitar o consumo.

Receita de danoninho de inhame

Ingredientes

  • 250g de inhames picados, sem casca
  • banana pequena e madura
  • 250g de morangos picados
  • Açúcar a gosto
  • 1 colher (sopa) de suco de limão

Modo de preparo

Em primeiro lugar, pique a banana e o morango. Coloque dentro de um saco plástico e leve para congelar durante 4 horas.

Cozinhe os inhames já cortados até ficarem macios. Ou seja, quanto mais macio eles estiverem, mais cremoso o seu danoninho será.

Em um liquidificador, despeje os inhames cozidos, a banana e morango congelados e suco de limão. Em seguida, adoce a gosto e bata até obter uma mistura homogênea.

Depois, transfira para uma vasilha com tampa e leve à geladeira por pelo menos 4 horas.

Mas, sirva em seguida.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

mulher madura comendo uma maçã ao ar livre. Ela está de óculos de sol e tem uma toalha apoiada nos ombros
Alimentação Bem-estar

Dieta ideal para menopausa: o que (e quanto) consumir?

Artigo publicado na revista Nature mostra quais itens consumir (e quais evitar) em uma dieta para aliviar os incômodos da menopausa

Em quanto tempo o ômega-3 faz efeito?
Alimentação Bem-estar Saúde

Em quanto tempo o ômega-3 faz efeito?

O ômega 3 é considerado um nutriente essencial para uma dieta saudável e balanceada

Tipos de laranja
Alimentação Bem-estar

Tipos de laranja: conheça as diferenças e benefícios de cada um

Além de possuir vitamina C, a frutinha é rica em fibras que trazem benefícios para a saúde intestinal