Entenda o que é gastrosquise, a malformação congênita da filha de Pedro Scooby

Gravidez e maternidade Saúde
23 de Janeiro, 2023
Entenda o que é gastrosquise, a malformação congênita da filha de Pedro Scooby

Cintia Dicker, atriz e modelo, revelou pela primeira vez o motivo das cirurgias da filha, fruto do relacionamento com o surfista Pedro Scooby. Em uma entrevista à Vogue, a modelo contou que Aurora tem uma malformação congênita e, por isso, teve que passar por cirurgias logo após o nascimento. A recém-nascida nasceu com gastrosquise, um defeito congênito da parede abdominal do bebê. 

Pedro Scooby já havia utilizado suas redes sociais para pedir orações para a filha que nasceu no último dia 26 de dezembro. Mas desde então, o motivo das internações de Aurora era desconhecido.

Cirurgia após o nascimento

A descoberta da gastrosquise teria acontecido na 12º semana de gestação. Assim, os pais foram informados que, para a segurança de Aurora, ela deveria nascer entre 37 e 38 semanas por meio de uma cesária e ser operada após o nascimento, além de contar com uma equipe médica à disposição.  

Cintia detalhou os momentos de tensão após o parto: “Minha cabeça estava totalmente voltada para ela. Foram 16 dias das 9h às 22h30 na UTI com as emoções à flor da pele. Sofri baby blues, não tinha tempo para descansar, e só consegui pensar um pouco em mim quando a Aurora chegou em casa”.

A cirurgia costuma ser rápida e no caso de Aurora, durou apenas 30 minutos e foi bem-sucedida. 

“Pude dar um beijo antes de encaminhá-la para a cirurgia. Naquele momento, o coração deu um nó e assim ficou durante os trinta minutos que seguiram. O procedimento terminou antes mesmo de finalizarem a minha cesárea. Todos na sala vibravam porque foi um caso de muito sucesso”, contou Cintia. 

Por fim, Cintia celebra a alta da filha. “Felizmente ultrapassamos todas as dificuldades e estar em casa com ela é o melhor dos sentimentos. A Aurora nasceu grande com 4,030kg e 54 cm, uma grande menina com uma grande fome (risos)”, e complementa “Viver tem novo sentido. Esse é o maior amor do mundo e eu faço qualquer coisa para minha filha estar bem. Aprendi a valorizar de uma outra forma a minha mãe e todas as mães da UTI pela força inesgotável”, disse Cintia.

Afinal, o que é Gastrosquise?

A gastrosquise é uma malformação congênita localizada na parede abdominal do bebê ainda na barriga da mãe. Assim, devido a condição, o bebê apresenta um orifício à direita do cordão umbilical que expõe o conteúdo intestinal – como intestino delgado, grosso, estômago e fígado – ao líquido amniótico da mãe. Além disso, devido à exposição das alças intestinais ao líquido amniótico, o bebê sofre uma reação inflamatória que funciona como uma cobertura espessa sobre o intestino.

Por fim, a doença é rara e atinge 1 em cada 10 mil bebês. Se não tratada corretamente, a gastrosquise pode ocasionar em complicações como infecção, sangramento e aumento da pressão intra-abdominal, que pode ocasionar disfunção respiratória.

Após o nascimento, os órgãos ficam expostos ao ambiente, sem proteção. Por isso, o bebê precisa ser operado o quanto antes, para minimizar os riscos de infecção, que podem comprometer a sua vida.

Veja também: Doenças congênitas: o que são e quais as principais

Tratamento da Gastrosquise

De acordo com a FioCruz, em países em desenvolvimento, o diagnóstico de gastrosquise durante o pré-natal ocorre em 90% dos casos, em geral no segundo trimestre da gestação e, pode ser feito através de exame ultrassonográfico e da dosagem de alfa fetoproteína materna. Portanto, ao descobrir a condição, o tratamento pode incluir medicamentos e cirugias, que vão depender da gravidade do caso.

  • Medicamentos: nesse caso, o tratamento médico pode conter soluções de glicose e eletrólitos para nutrição e hidratação. Além disso, antibióticos também podem ser uma saída para as infecções.
  • Cirurgias: geralmente, o procedimento cirurgico atuará para deslocar o tecido exposto e reconstruir a parede intestinal. Porém, cada caso é um caso e devido a complexidade da doença, pode ser que o bebê seja submetido a mais de uma intervenção cirúrgica.

Referência: Hospital Infantil Sabará.

Sobre o autor

Tayna Farias
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em gravidez e maternidade

Leia também:

5 fatos sobre a obesidade
Saúde

5 fatos sobre a obesidade que você não sabia

Doença não tem relação com estética e requer tratamento contínuo. Veja esses e outros fatos

hair popping
Saúde

Hair popping: nova técnica de puxar o cabelo promete aliviar dores de cabeça. Veja os riscos

O hair popping já reúne 1,7 milhões de visualizações e reproduções que podem oferecer riscos à saúde

close de uma barriga recebendo uma aplicação de Ozempic
Saúde

“Novo Ozempic” promove perda de gordura até 5 vezes mais rápida

Estudo com novo injetável levou a uma queima de gordura corporal até cinco vezes mais rápida do que remédios como o Ozempic