Frascos de temperos podem estar contaminados por falta de higiene, sugere estudo

Bem-estar Casa
21 de Outubro, 2022
Frascos de temperos podem estar contaminados por falta de higiene, sugere estudo

Os frascos de temperos são práticos e muito úteis, afinal, tornam a vida de quem cozinha mais fácil. No entanto, por conter condimentos, muitas vezes a limpeza destes utensílios não é feita corretamente, embora seja necessária. Agora, um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Rutgers, nos Estados Unidos, alerta que os frascos podem carregar um alto número de microrganismos

Para a pesquisa, superfícies e objetos envolvidos no processo de preparação das comidas foram analisados. Em primeiro lugar, descobriu-se que 48% dos frascos de tempero estavam contaminados. Para se ter uma noção, as tábuas para corte de carnes e as lixeiras ficaram em segundo e terceiro lugar na pesquisa, respectivamente. As torneiras foram as que menos carregavam microrganismos. 

“Ficamos surpresos, porque não tínhamos visto evidências de contaminação nos recipientes de temperos antes. A maioria das pesquisas sobre a contaminação de superfícies de cozinha devido ao manuseio de carne ou aves se concentrou em tábuas de corte de cozinha ou torneiras. Negligenciando, assim, superfícies como recipientes de especiarias, tampas de lixeiras e outros utensílios”, conta em comunicado Donald Schaffner, um dos autores do estudo e professor da Escola de Ciências Biológicas e do Meio Ambiente de Rutgers.

Leia também: Utensílios de cozinha de silicone: vantagens e como cuidar

Por que os frascos de temperos carregam tantos microrganismos?

De acordo com os responsáveis pela pesquisa, os frascos são os que mais possuem microrganismos, pois são utilizados, sobretudo, com os alimentos ainda crus. A pesquisa conduziu testes com 371 adultos que cozinharam a mesma receita: hambúrguer de peru. Assim, eles utilizaram ingredientes idênticos, mas se diferenciando no estilo da cozinha, tamanho, distância entre os móveis e disposição dos utensílios.

Para conseguir entender a circulação dos microrganismos no preparo da comida, os cientistas fizeram uma simulação com carne contaminada com bacteriófago “MS2”. Trata-se de um vírus que infecta bactérias, mas não oferece riscos aos humanos. A proposta da pesquisa não foi dita aos participantes, para evitar qualquer tentativa de diminuir as verdadeiras possibilidades de contágio. Por fim, os pesquisadores rastrearam a presença do bacteriófago nos ambientes e objetos da cozinha.

A higiene é fundamental

Os cientistas ressaltaram a importância de manter a higienização desses utensílios, afinal, doenças e infecções alimentares são facilmente contraídas. Então, eles indicam que o manuseio correto dos alimentos, ou seja, cozimento correto, lavagem das mãos e higienização dos objetos da cozinha, são pontos importantes para manter o local saudável.

Descubra seu peso ideal. É grátis! Saiba se seu peso atual e sua meta de peso são saudáveis com Tecnonutri.
cm Ex. 163 kg Ex. 78,6

Sobre o autor

Gabriela Ferreira
Jornalista e Repórter da Vitat.

Leia também:

foto de um prato colorido com legumes, salada e grãos
Alimentação Bem-estar Receitas

Encontrar receitas vegetarianas é difícil para você? Veja 20 opções!

Aqui na Vitat, você consegue encontrar inúmeras opções de receitas vegetarianas para variar o seu cardápio. Separamos algumas, confira!

5 benefícios da banana
Alimentação Bem-estar

5 benefícios da banana para os atletas

Liberação gradual de energia e recuperação muscular são alguns dos benefícios. Veja outros!