Não sinto fome ao acordar. O que comer no café da manhã?

22 de junho, 2022

Enquanto algumas pessoas já pulam da cama direto para a cozinha na ânsia de preparar o café da manhã, outras têm que lidar com a falta de apetite ao acordar. Há quem diga que ficar sem comer pela manhã é, na verdade, benéfico, principalmente, para quem deseja emagrecer. Mas, afinal, será que é normal despertar sem vontade de comer? 

De acordo com a nutricionista especialista em metabolismo e nutrição esportiva Anna Carvalho, a falta de apetite ao acordar está intimamente ligada às refeições da noite anterior. “Algumas pessoas comem mais do que devem no período noturno. À noite, o nosso corpo não faz uma boa digestão, e a gente acaba não gastando tanta caloria”, diz.

A profissional explica que essa digestão mais lenta causa um estufamento e, assim, as chances de acordar sem desejo de se alimentar são maiores. Entretanto, o período da manhã é um dos momentos nos quais o corpo mais precisa de energia. Assim, não é interessante pular o café da manhã — nem se o seu objetivo for perder peso.

Pular o café da manhã faz bem?

“Se você pula uma refeição e só vai comer quando estiver sentindo fome, é muito provável que coma muito mais do que deve. O estômago, o intestino e a digestão como um todo não estão preparados para ingerir tudo de uma vez”, esclarece.

Dessa forma, a especialista defende o fracionamento das refeições. Ao dividir os alimentos em porções menores ao longo do dia, a digestão acontece de forma bem mais fluida. Além disso, Anna aproveita para desmistificar a crença de que pular o café da manhã é uma tática eficaz para o emagrecimento.

“Se você pula o seu café da manhã e só vai comer no almoço, você vai ter mais fome no período noturno, porque no momento que você mais precisava de comida, você não comeu”, afirma.

E essa prática se transforma em um ciclo vicioso e que se retroalimenta, já que ao pular o café da manhã, o jantar é mais caprichado e, consequentemente, surge a falta de apetite ao acordar. Dessa forma, essa sequência se repete diariamente.

Leia também: Quantas calorias devo comer no café da manhã?

Falta de apetite ao acordar: como driblar?

A nutricionista esportiva reforça a importância de fracionar as porções. Ao comer mais vezes em menores quantidades, os riscos de acabar pulando alguma refeição são menores. Assim, você colabora para uma boa digestão e para o funcionamento do intestino, além de garantir o aporte de nutrientes e energia necessários para o dia.

Além disso, não é preciso investir em um banquete de café da manhã. Caso você não sinta tanta fome ao despertar, tente realizar receitas práticas, mas que forneçam os benefícios que precisa. 

Entre as preparações indicadas pela nutricionista, estão:

Por fim, saiba que é possível ser saudável comendo coisas saborosas. Então, teste receitas e busque transformar o café da manhã em um momento de prazer e autocuidado.

Fonte: Anna Carvalho, nutricionista especialista em metabolismo e nutrição esportiva e criadora do Método Dieta Inteligente

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.