Criofobia: Conheça o medo do frio e saiba como lidar

11 de fevereiro, 2020

Você sabia que existem pessoas que têm fobia do frio? A criofobia, ou medo do frio, é uma fobia relativamente complexa. Há quem tenha medo apenas do tempo frio, outros de tocar em objetos frios. Além disso, a definição de frio varia entre os indivíduos. Existem pessoas que têm receio apenas itens ou temperaturas abaixo do ponto de congelamento, enquanto outras temem qualquer coisa que achem “fria” ao tocar.

Assim, a criofobia é frequentemente pior durante os meses de inverno. Assim, neve e gelo, nem pensar. Podem parecer insuportáveis enquanto objetos que sempre são frios – como itens de metal – ficam ainda mais frios durante temperaturas baixas.

Causas

Essa fobia é mais provável de ocorrer naqueles que tiveram um impacto negativo significativo do frio. Por exemplo, quem experimentou hipotermia, caiu no gelo ou ficou preso na neve, é mais provável que desenvolva a condição. Até mesmo se você conhecer alguém que foi impactado pelo frio também pode desenvolver criofobia. 

Leia também: FoMO: O medo de ficar por fora que pode causar depressão

Entretanto, também pode ocorrer sem qualquer experiência negativa. Existem pessoas que percebem o frio com mais sensibilidade do que outras, e interpretam isso como assustador.

Como lidar com a criofobia?

Algumas técnicas de autoajuda podem ajudar a lidar com a lidar com o pavor do frio. Vestir-se com roupas quentes, evitando passar tempo ao ar livre e manter a casa aquecida pode aliviar medos moderados. 

Leia mais em: FOBM: O que é o “medo de ser mau” que o impede de expor sua opinião

No entanto, casos mais graves podem limitar a qualidade de vida. Isso porque esse medo pode incapacitar até as mais simples tarefas, como ir escola ou trabalho. Com o tempo, um grave medo do frio pode levar a fobias adicionais, incluindo agorafobia ( medo de lugares e situações que possam causar pânico, impotência ou constrangimento).

Se o seu medo é grave, considere a procura de assistência profissional. Mas, é importante notar que a fobia não pode ser confundida com uma simples antipatia por objetos frios. 

Sobre o autor

Julia Moraes
Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.