Arrancar cabelo branco faz nascer outros no lugar: mito ou verdade?

Beleza Bem-estar
15 de Março, 2022
Arrancar cabelo branco faz nascer outros no lugar: mito ou verdade?

Que atire a primeira pedra a mulher que nunca se apegou à crença popular de que arrancar cabelo branco faz nascer mais no lugar e, apenas por isso, se segurou para não tirar aquele fio grisalho do meio dos demais.

Esta teoria, que já passa há anos de geração em geração, sempre rendeu muitas dúvidas, especialmente entre as mulheres que querem retardar o máximo possível este processo.

Mas, afinal, o que acontece com nosso cabelo quando arrancamos o fio branco?

Por que os cabelos ficam brancos?

Para entrar neste tema, primeiro é importante entender porque nossos cabelos mudam de cor com o passar dos anos.

Segundo Luciana Passoni, médica tricologista, de São Paulo, a causa do embranquecimento dos fios está na queda da produção de melanina, ou seja, o pigmento responsável pela coloração. Esta falta, por sua vez, é uma parte do processo natural de envelhecimento.

Vale ressaltar, contudo, que não existe uma faixa etária que determine o início do aparecimento da canície, nome científico dado para os cabelos brancos.

“Algumas pessoas mais jovens podem apresentá-la devido a fatores genéticos, estresse, doenças e até o uso de medicamentos (como alguns antibióticos a ansiolíticos), que podem acelerar o aparecimento de cabelos brancos”, explica a profissional.

Leia também: Alimentos que ajudam a prevenir os cabelos brancos

Além disso, alguns estudos mostram que deficiências nutricionais também podem afetar a pigmentação dos cabelos, levando a uma maior quantidade de fios grisalhos.
“Níveis baixos de ferritina sérica, vitamina B12, vitamina D3 e cobre podem estar relacionados ao aparecimento precoce de cabelos brancos”, ela completa.

Com isso, acredita-se que, em geral, 50% das pessoas com 50 anos de idade já possuem metade dos cabelos brancos.

Por fim, ainda existe a causa genética para o envelhecimento prematuro do cabelo de algumas pessoas.

“Se os pais apresentaram fios grisalhos antes ou por volta dos 30 anos, é provável que os filhos tiveram alguma alteração no gene responsável por regular a produção de melanina, fazendo com que os brancos apareçam mais cedo, assim como nos genitores.”

Afinal, arrancar cabelo branco faz nascer mais?

Para a alegria de muitas pessoas que já fizeram isso, a resposta é não. Contudo, arrancar um cabelo branco, assim como qualquer outro fio, vai na contramão das orientações da dermatologista.

“Que fique esclarecido: é mito quando dizem que se tirar um fio branco vai nascer quatro no lugar, ou nenhum outro aparecerá. Porém, o ideal é não arrancar fio algum. Esse ato pode enfraquecer a raiz do cabelo e gerar problemas mais sérios no futuro”, alerta.

A dica de Luciana é: tente não fugir deste processo natural. Afinal, logo que os primeiros fios brancos aparecerem, é normal que comecem a surgir outros de forma progressiva e cada vez mais rápida.

Com isso, muitas pessoas recorrem às tinturas, que ajudam a cobrir o tom prateado dos cabelos, porém também tem certos pontos negativos. Ressecamento dos fios, necessidade de retoque constante e dificuldade em encontrar o tom certo são apenas alguns deles.

Leia também: Excesso de procedimentos químicos pode levar ao ressecamento dos fios

Por este motivo, muitas mulheres passaram a aceitar seus cabelos brancos, apostando em cortes modernos que deixam de lado qualquer impressão que relacione os fios grisalhos com desleixo ou falta de cuidado.

Como manter seus cabelos brancos saudáveis

Assim como outros tipos de fios, o indicado é que seja feito um cronograma capilar para cuidar dos cabelos grisalhos. Isso inclui tratamentos de nutrição, hidratação e reconstrução capilar.

“A hidratação é um dos cuidados essenciais para manter a saúde do cabelo branco em dia. Isso porque os fios brancos são mais porosos e secos que o normal”, explica a profissional.

“A falta de pigmentação é responsável pelo aspecto ressecado nesse tipo de cabelo. Então os produtos de hidratação e nutrição repõem água e lipídios dos fios, recuperando o brilho e maciez. As hidratações devem ser de reconstrução, e à base de queratina, arginina e aminoácidos”, orienta.

Leia também: Hidratar o cabelo em casa dá resultado? Descubra aqui!

Outra dica da tricologista é usar óleo capilar 100% vegetal, como de coco ou argan, que nutre a fibra profundamente e tem ação umectante.

“O óleo de coco ajuda a recuperar imediatamente os fios devido ao seu poder antioxidante. Já o óleo de argan é rico em vitamina D e em ácidos graxos, e protege os fios de danos ambientais. Além de disciplinar, também trata a fibra de fora para dentro, reparando a cutícula”, pontua.

“Outro ponto importante e que deve ser considerado nos cuidados com os fios brancos é no chuveiro. O ideal é usar água de morna para fria”, finaliza ela.

Fonte: Luciana Passoni, médica tricologista, de São Paulo.

Sobre o autor

Ana Paula Ferreira
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em beleza e bem-estar.

Leia também:

Chás pré e pós-treino
Alimentação Bem-estar

Chás pré e pós-treino: veja as melhores opções

O chá é a segunda bebida mais consumida mundialmente, depois da água, sendo o Brasil um dos maiores consumidores. De acordo com um balanço da Euromonitor

Lapsos de memória
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Lapsos de memória: 8 principais fatores e como evitá-los

Rotina sobrecarregada, estresse e noites maldormidas são algumas das causas

Quando mudar a rotina de skincare
Beleza Bem-estar

Rotina de skincare: quando mudar os produtos? Dermatologista explica

Segundo a dermatologista, apesar da percepção, a pele continua se beneficiando da rotina