Operação aponta fraude por adição de amido em requeijão

Alimentação Bem-estar
11 de Maio, 2023
Operação aponta fraude por adição de amido em requeijão

Recentemente, o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) realizou uma ação para detectar a presença de amido no requeijão de diferentes estabelecimentos no país. Assim, os resultados das análises apontaram que 5% dos produtos investigados não estavam em conformidade com as informações descritas no rótulo.

Adição de amido no requeijão

Para o estudo, os pesquisadores coletaram 180 amostras em 66 estabelecimentos nacionais. Eles estavam localizados nos estados de Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Além disso, descartou-se uma das amostras por estar fora do prazo de validade.

De acordo com o site do Mapa, adicionar amido no requeijão sem informar ao consumidor é caracterizada como fraude econômica, uma vez que o produto não corresponde ao que está descrito no rótulo.

Por isso, no caso dos itens modificados, o órgão afirmou que adotou “ações fiscais previstas na legislação junto ao estabelecimento produtor. Elas incluem a apreensão cautelar dos produtos, além da autuação em processo administrativo específico.”

“O requeijão que leva adição de amido deve ter em sua denominação de venda a informação Mistura de Requeijão e Amido, de acordo como o Regulamento Técnico de Identidade e Qualidade de Requeijão. Logo, qualquer comercialização sem a denominação configura fraude ao consumidor”, explicou a diretora do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal, Ana Lúcia Viana, no comunicado.

Leia também: Novas regras para a fabricação de presunto: o que muda?

O que é o requeijão?

O requeijão é um alimento tipicamente brasileiro. Ele leva leite coalhado, creme de leite, água e sal fundente. Mas as versões encontradas no supermercado (geralmente em copos de vidro ou plástico) contêm outros aditivos (como sódio, conservantes e conservantes), que servem para aumentar a vida útil do produto e melhorar o sabor.

Por isso, e apesar de ser fonte de proteínas e cálcio, muitos especialistas recomendam consumir a versão ultraprocessada com moderação.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

Chás pré e pós-treino
Alimentação Bem-estar

Chás pré e pós-treino: veja as melhores opções

O chá é a segunda bebida mais consumida mundialmente, depois da água, sendo o Brasil um dos maiores consumidores. De acordo com um balanço da Euromonitor

Lapsos de memória
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Lapsos de memória: 8 principais fatores e como evitá-los

Rotina sobrecarregada, estresse e noites maldormidas são algumas das causas

Quando mudar a rotina de skincare
Beleza Bem-estar

Rotina de skincare: quando mudar os produtos? Dermatologista explica

Segundo a dermatologista, apesar da percepção, a pele continua se beneficiando da rotina