Alimentos para limpar o fígado

4 de fevereiro, 2020

Não é novidade que o fígado desempenha um papel vital no processamento de álcool e outras substâncias. Mas, esse órgão faz muito mais do que ajudar o corpo a se recuperar de uma noite de bebedeira.

Ele também é responsável por quebrar carboidratos, produzir glicose, desintoxicar o corpo, armazenar nutrientes e criar bile, essencial para a digestão e absorção adequada de nutrientes.

Em outras palavras, a saúde do fígado determina muito a saúde geral. Assim, para quem deseja limpar e desintoxicar o organismo, o fígado é um bom lugar para começar. Confira abaixo os melhores alimentos para manter o órgão funcionando a todo vapor. 

Café faz bem para o fígado

Estudos mostram que os componentes da cafeína e do café, particularmente paraxantina, kahweol e cafestol, podem realmente ajudar o corpo a combater doenças como câncer, cirrose relacionada ao álcool, doença hepática gordurosa não relacionada ao álcool e hepatite C. Um estudo publicado no Journal of Hepatology chegou a chamar o café de “o feijão mágico para doenças do fígado”.

Leia mais: Cafeína pode impedir o ganho de peso

Alho

O alho está repleto de antioxidantes potentes que podem ajudar a liberar toxinas. Assim, o segredo está na antioxidante alicina, aminoácido arginina e mineral selênio – os quais podem ajudar no processo de desintoxicação.

Uva

A uva é uma fruta valiosa na luta contra doenças relacionadas ao fígado, graças em parte ao poderoso composto resveratrol. Este polifenol pode reduzir a inflamação do fígado, que por sua vez aumenta os níveis de antioxidantes.

Oleaginosas para o fígado? Sim

Nozes, castanhas e outras oleaginosas são ótima fonte de ácidos graxos ômega-3 e também contêm a vitamina E antioxidante, que combate a inflamação. Assim, embora sejam necessárias mais pesquisas, estudos preliminares indicam que a ingestão pode estar associada a níveis mais saudáveis ​​de enzimas hepáticas, particularmente em pessoas com doença hepática gordurosa não alcoólica.

Leia mais: As melhores opções de gorduras boas para colocar no prato

Sobre o autor

Nathália Lopes
Nathália Lopes
Estagiária de Jornalismo