Alimentos que você deve evitar depois dos 30 anos

19 de fevereiro, 2020

Mesmo que você não se sinta diferente de como estava na casa dos vinte, a partir dos 30 anos o corpo muda de uma maneira que dificulta a perda de peso e a boa saúde. Por isso, é preciso apostar em uma alimentação saudável e equilibrada para ajudar a barrar os efeitos da passagem do tempo. 

Com isso, é preciso cortar alguns alimentos que aceleram o processo de envelhecimento, além de causar acúmula de gordura, inflamação do organismo e outros problemas que uma má alimentação acarreta. Confira o que não comer para se manter saudável depois dos 30 anos. 

Pão branco

Embora você não considere o popular carboidrato do café da manhã como uma indulgência doce, o corpo converte carboidratos refinados em açúcar e depois glicose, um nutriente que danifica o colágeno e outras proteínas que combatem rugas. Além disso, quando se trata de pão, escolher grãos integrais em vez de refinados ajudará a manter os níveis de açúcar no sangue controlados, ajudando na manutenção e perda de peso.

Leia também: Os tipos de pães mais saudáveis

Refrigerante

A bebida é repleta de corantes potencialmente causadores de câncer, além de ser rica em açúcar adicionado. E o açúcar não apenas afeta negativamente a ovulação, mas também tem sido associado à menor motilidade espermática, comprometendo a fertilidade nessa faixa etária. 

Doces zero açúcar

Evitar toxinas, como adoçantes artificiais presentes nos doces zero açúcar ajudará o fígado a trabalhar com mais eficiência para quem tem 30 anos ou mais. Assim, para iniciar o processo de desintoxicação, evite os alimentos feitos com adoçantes (como chiclete sem açúcar, biscoitos e bolos). 

Embutidos

Salsicha, salame e companhia são exemplos de carnes processadas que podem ser prejudiciais à pele. Essas carnes são ricas em sódio, gorduras saturadas e sulfito, que podem desidratar e enfraquecer o colágeno, causando inflamação. Além disso, facilitam o acúmulo de gordura e o aparecimento de pressão alta.  

Margarina

O produto é fonte majoritária de gordura trans. Você já deve ter ouvido falar que esse tipo de gordura está associado a doenças cardíacas, mas o que a maioria das pessoas não sabe é que também pode acelerar o processo de envelhecimento da pele, tornando-a mais vulnerável à radiação ultravioleta. Quando a pele é danificada pelo sol, decompõe a elastina e o colágeno. Mas isso não é tudo. Estudos também descobriram que o consumo de margarina pode causar inflamação crônica, o que acelera a formação de rugas.

Iogurte com sabor

Depois dos 30 anos, a produção de colágeno diminui e a elastina – a proteína que mantém a pele firme – começa a quebrar, causando a formação de linhas finas. Embora seja impossível interromper o processo de envelhecimento, é possível manter a pele jovem por mais tempo cortando o açúcar, um nutriente que acelera a formação de rugas e flacidez.

Já está evitando doces, biscoitos e sobremesas? Não pense que é o bastante. Muitas fontes estão escondidas em lugares menos óbvios, como iogurtes com sabor. Apesar de parecerem saudáveis, alguns iogurtes contêm até 22 gramas de açúcar por porção. Portanto, se for fã de iogurte, dê preferência ao integral sem sabor. 

Leia também: Porque emagrecer fica mais difícil com a idade e depois dos filhos

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.