Porque emagrecer fica mais difícil com a idade e depois dos filhos

Se você já passou dos 30 e percebeu que emagrecer com a idade fica mais difícil, você não está enganada. O corpo muda com o passar do tempo, e os sinais ficam mais evidentes na pele e até nos cabelos. Internamente, também ocorrem transformações. 

A principal mudança é o ritmo do metabolismo basal, que fica mais lento ao longo dos anos. Isso significa que ocorre uma diminuição na quantidade de calorias queimadas em repouso. 

Também, uma das preocupações de quem é mãe gira em torno de como conseguir voltar ao corpo de antes da gravidez. Com a chegada dos pequenos nem sempre é fácil se colocar em primeiro lugar para cuidar do corpo, muito menos mudar de hábitos a ponto de ficar com a forma enxuta.

Por isso, fica mais complicado emagrecer com a idade, e é tão comum passar dos 30 anos e notar aumento de peso, apesar de seguir comendo a mesma coisa. 

O envelhecimento é diferente para cada pessoa, é algo muito individual. Essas diferenças podem ser fisiológicas, genéticas, culturais, de gênero, estilo de vida e, até mesmo, condição socioeconômica.

A partir dos 30 anos

Normalmente, nota-se a dificuldade de emagrecer com a idade a partir dos 30 anos, que é quando os níveis hormonais começam a sofrer uma redução, o que pode contribuir para o ganho de peso ou dificultar o emagrecimento. A cada década, o metabolismo diminui cerca de 2 a 5%.

Além disso, com o avançar da idade, ocorre a perda de massa muscular, que prejudica ainda mais o funcionamento do metabolismo.

A dica é fazer um trabalho de força mais intenso para trocar gordura por massa magra, o que ajuda a manter a taxa metabólica regulada. 

Vale também ajustar o tipo de alimentação. Pode ser necessário incluir ou retirar alguns alimentos da dieta ou reduzir a quantidade de calorias ingeridas ao longo do dia. 

Assim, para que os resultados aconteçam será preciso mudança de hábitos, como melhorar a alimentação, ter mais qualidade no sono e inserir atividades físicas. Porque não dá pra emagrecer tendo o mesmo comportamento e a mesma rotina.

Leia também: Como se manter motivado para emagrecer

A partir dos 40 anos

Nessa faixa etária, costumam ocorrer flutuações de peso e maior declínio hormonal, impactando o processo de emagrecimento. Aumenta-se a necessidade de uma rotina saudável, com alimentação adequada e prática de atividade física. 

O corpo tende a diminuir a demanda por calorias, por isso é importante mudar os hábitos alimentares. 

Se o período da menopausa chegar, invista em alimentos como linhaça e soja. Eles contribuem para a reposição dos hormônios.

Leia também: Como voltar ao corpo de antes da gravidez

Descubra se seu peso está saudável Em minutos, você saberá se seu peso atual é saudável, com a ajuda grátis da Vitat.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.