Água com sal é nova tendência para desintoxicar o corpo. Entenda riscos

Alimentação Bem-estar
25 de Maio, 2022
Água com sal é nova tendência para desintoxicar o corpo. Entenda riscos

Na internet, é possível encontrar as mais variadas fake news sobre alimentação disfarçadas de dicas e truques. A mais recente delas afirma que beber água com sal todos os dias ajudaria no processo de desintoxicação do corpo, mas não é bem assim. Entenda melhor:

Por que as pessoas estão tomando água com sal?

Há quem defenda que consumir a bebida salina ajuda a expulsar as toxinas por meio da “limpeza” do intestino, aumentando, assim, os níveis de energia.

Realmente, o sódio, mineral presente no sal, é essencial para o nosso organismo. Juntamente com o potássio, por exemplo, ele ajuda a equilibrar a quantidade de água do corpo e a nossa pressão arterial. Além disso, com ele, os músculos podem funcionar corretamente.

O problema é que o sódio já está presente em muitos alimentos que consumimos diariamente, principalmente nos industrializados e nos embutidos. Então, adicionar mais uma fonte dele ao beber a água com sal pode facilmente ultrapassar os valores recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) — que é de cerca de 2300 mg de sódio, ou 5 g de sal, por dia para indivíduos saudáveis. Isso pode trazer diversas consequências para a saúde. Entenda:

Leia também: Misturar arroz e macarrão engorda?

Beber água com sal pode aumentar o risco de hipertensão

Sal em excesso na dieta pode causar hipertensão, ou seja, quando a pressão arterial fica constantemente elevada. A condição é um fator de risco para diferentes doenças crônicas, principalmente as que afetam o coração.

Os benefícios não foram comprovados cientificamente

Não foram encontrados estudos científicos comprovando a eficácia da água com sal no quesito desintoxicação do corpo. Esse tema, aliás, ainda é controverso entre os pesquisadores. Isso porque o nosso próprio corpo já tem um sistema voltado para a eliminação de toxinas: fígado, rins, intestino e pele são órgãos que cumprem a função.

Sal em excesso pode nos fazer comer mais alimentos calóricos

Em um estudo conduzido na Universidade Denik, na Austrália, especialistas pediram a 49 pacientes, de 18 a 54 anos, que provassem alguns tipos de sopas de tomate, preparadas com diferentes concentrações de gordura e de sal.

Depois, eles tiveram que avaliar os caldos de acordo com as categorias “salgado” e “gorduroso”. Surpreendentemente, quanto mais sal os cremes tinham, menos as pessoas conseguiam perceber a gordura presente neles.

Além disso, indícios já mostram que sal em excesso na dieta estimula a produção de insulina, hormônio que induz o corpo a armazenar o açúcar presente no sangue como gordura. Ou seja, o sal, além de nos fazer comer mais alimentos gordurosos sem perceber, pode estimular o acúmulo de gordura.

Além disso, pode aumentar a retenção de líquidos

Quando há sódio em excesso, o corpo precisa acumular água para balancear a grande quantidade de sódio presente nele. Com o tempo, pode surgir o edema: inchaço nos dedos, nas mãos, nos pés ou nas pernas.

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

benefícios da banana
Alimentação Bem-estar Saúde

Quais são os benefícios da banana para a saúde? Veja lista e receitas saudáveis

A banana é amiga do intestino, além de ser eficiente na prevenção de cãibras. Veja outros benefícios da fruta!

horário para treinar
Bem-estar Movimento Saúde

Estudo revela melhor horário para pessoas com obesidade treinaram

O estudo da Universidade de Sidney identificou benefícios do treino noturno para a saúde do coração

Chás pré e pós-treino
Alimentação Bem-estar

Chás pré e pós-treino: veja as melhores opções

O chá é a segunda bebida mais consumida mundialmente, depois da água, sendo o Brasil um dos maiores consumidores. De acordo com um balanço da Euromonitor