Recovery na atividade física: entenda o conceito

13 de maio, 2022

Seja na corrida, musculação, natação ou luta, o esporte está sempre associado à qualidade de vida. E praticar exercícios físicos é essencial para ter uma boa saúde, tanto física quanto mental. Mas devemos estar atentos às lesões ou dores musculares que, muitas vezes, nos interrompem. Para ajudar na recuperação, existe o recovery.

Leia também: Saiba como evitar lesões treinando em casa

O que é Recovery?

De acordo com o fisioterapeuta Rodrigo Dispato, recovery é um sistema multiprofissional com várias modalidades de atuação. Isto é, ele realiza uma série de técnicas capazes de amenizar os sintomas causados pela fadiga de um treino ou competição. Assim, acelera a recuperação muscular. 

Leia também: Como acelerar a recuperação muscular depois de treinar

Além disso, é importante para prevenir o excesso de treinamento (ovetraining) e suas consequências principais, como a dificuldade de recuperação, queda do rendimento, risco de lesões e, em casos mais graves, até mesmo morte súbita.

“Em todos os casos de indicação do Recovery, o atleta passa por uma avaliação, onde as possíveis contraindicações serão levantadas para dar seguimento ao tratamento que sempre deve ser realizado com profissionais da área da saúde e do esporte, como: médicos, fisioterapeutas, profissionais de educação física, nutricionistas e psicólogos”, relata Rodrigo.

Benefícios

Existem evidências científicas mostrando que as massagens manuais e tecnologias instrumentais (percussores e compressores miofasciais) ajudam na recuperação em caráter pós-esforço. Além disso, outras pesquisas nos dizem que a fotobiomodulação (laser de alta potência) parece ser efetiva para aumentar o rendimento físico (pico de força e resistência) antes de treinos e competições.

Desse modo, o Recovery acelera e otimiza a recuperação, devolvendo ao sistema musculoesquelético suas condições necessárias para o rendimento nos treinos e competições.

Leia também: Lesões musculares: Como acelerar a recuperação

Fonte: Rodrigo Dispato, fisioterapeuta; Cyber Cross – centro de treinamento especializado com foco na recuperação.

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.