Bruna Griphao come camarão mesmo sendo alérgica. Conheça os riscos

Alimentação Bem-estar
03 de Abril, 2023
Bruna Griphao come camarão mesmo sendo alérgica. Conheça os riscos

Após ser convidada para o almoço do anjo do Big Brother Brasil 23, a atriz Bruna Griphao apresentou reação alérgica ao  comer camarão nesse domingo. Os sintomas característicos dessa condição são: inchaço, coceira e ânsia de vômito. Apesar do susto, a situação foi rapidamente contornada após a produção do programa oferecer atendimento médico e medicação para Bruna, que passa bem.

A atriz comentou, mais tarde, que já tinha conhecimento da alergia, mas comeu o prato com camarão mesmo assim. Contudo, mesmo que a situação tenha sido controlada, o desfecho poderia ser perigoso, já que esse tipo de alergia pode ser fatal. 

Veja também: Qual é a frequência ideal para lavar os cabelos?

Alergia alimentar a camarão

Como explica a Dra. Brianna Nicolletti, alergista e imunologista pela Universidade de São Paulo (USP) em uma entrevista anterior à Vitat, a alergia alimentar é uma resposta do sistema imune ao entender uma parte da estrutura do alimento como “alergênica” e estranha. Dessa forma, produz uma série de anticorpos ou células que geram um processo inflamatório

O problema é que quando o organismo é sensibilizado após a reação alérgica, os riscos de se desenvolver crises piores futuramente aumentam, diminuindo a tolerância com relação a um tipo de alimento.

Além disso, em casos mais graves, a alergia alimentar pode desencadear choque anafilático, condição que dificulta a respiração, aumenta os batimentos cardíacos, provoca tontura, confusão e desmaio. Dessa forma, outro risco desconhecido, é que uma alergia alimentar também pode causar anafilaxia, emergência que pode comprometer as vias aéreas e pode ser fatal.

O que fazer em caso de reação alérgica a camarão?

O procedimento adequado diante de uma reação alérgica a camarão depende da intensidade e da rapidez dos sintomas. “Para reações mais leves, as medicações mais usadas são antialérgicos e corticóides injetáveis ou orais”, informa a alergista. Dessa forma, você pode afrouxar as roupas, especialmente calças e gravatas, e deitar a pessoa de lado, com as costas no chão, posição ideal para evitar sufocamento caso apresente vômito.

Contudo, se estiver diante de reações mais intensas, com possibilidade de anafilaxia, é muito importante ir imediatamente para um hospital ou posto de atendimento. Além disso, é possível contatar o serviço de emergência pelo telefone 192.

Por fim, se o paciente tiver um histórico de alergias, o ideal é carregar consigo uma injeção de epinefrina. A medicação em formato de caneta pode facilitar a respiração. “Mesmo após utilizá-la, a pessoa deve ir para um hospital ou pronto atendimento”, finaliza Brianna.

 

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

chá verde
Alimentação Bem-estar

Chá verde emagrece? Conheça os benefícios e como fazer

O chá verde é uma bebida produzida a partir da folha da Camellia sinensis, que é rica em compostos fenólicos, que atuam como antioxidantes

chá para dor de garganta
Alimentação Bem-estar Saúde

7 chás para dor de garganta (e como preparar)

Quando o assunto é garganta inflamada, uma prática comum é a preparação de bebidas quentes.

mulher tomando um comprimido na sala de casa
Bem-estar Sono

Dramin dá sono? Especialista explica riscos da automedicação

Um dos efeitos mais conhecidos do medicamento, especialista esclarece a ideia e fala por que ele não deve ser usado para tratar a insônia