Queda de cabelo no frio: profissional explica por que os fios caem mais

Beleza Bem-estar
25 de Maio, 2022
Queda de cabelo no frio: profissional explica por que os fios caem mais

Se alguma vez você teve a sensação de que estava com mais queda de cabelo no frio, saiba que isso não é apenas uma impressão!

De acordo com a tricologista Viviane Coutinho, os fios realmente caem em maior número quando as temperaturas estão mais baixas.

Isso, contudo, não acontece exclusivamente por conta da variação do clima, mas também por mudanças na rotina de cuidados. Entenda!

Leia também: Afinal, como o estresse pode levar à queda de cabelo?

Por que temos mais queda de cabelo no frio?

Viviane explica que a perda maior de cabelos durante o fio ocorre por conta de algumas mudanças nos cuidados com os fios.

Exemplo disso é a diminuição na frequência de lavagens, o aumento do uso do secador, toucas e boinas e, principalmente, a temperatura mais quente da água para tomar banho.

“Esses hábitos são nocivos e podem levar a dermatite seborreica (caspa) e outros problemas do couro cabeludo, que acabam levando a queda dos fios“, ela afirma.

Leia também: Afinal, por que as mulheres perdem cabelo na gravidez?

Como evitar a queda de cabelo nos dias mais frios

Para minimizar a perda dos fios nos períodos de baixas temperaturas, a tricologista sugeriu alguns cuidados básicos para ter no dia a dia com o couro cabeludo e o cabelo.

1. Não lave os cabelos com água quente

“A água muito quente tira toda a oleosidade natural do couro cabeludo, que produz uma maior quantidade de sebo para se defender. Portanto, ela pode levar à inflamação e dermatite seborreica. Além disso, a água aquecida resseca os fios, que ficam ásperos. Uma dica é tomar banho primeiro e depois lavar o cabelo com água morna, mas afastando o corpo da ducha”.

Leia também: Afinal, por que a água quente faz mal para os fios?

2. Lave os cabelos com frequência

“O cabelo deve ser lavado com frequência mesmo no frio, para não acumular resíduos no couro cabeludo e manter a região higienizada. O número de lavagens ideais, contudo, varia de pessoa para pessoa, mas o importante é nunca ficar vários dias sem lavar. E lembre de sempre aplicar o shampoo no couro cabeludo massageando suavemente e deixando uns 2 minutos de pausa”.

Leia também: Saiba quais são as principais causas da queda de cabelo

3. Deixe o cabelo secar ao natural

“Prefira sempre deixar o cabelo secar naturalmente. Contudo, caso você faça uso do secador, coloque em temperatura morna, mantendo uma distância de cerca de 30 cm da cabeça e não deixe de usar o protetor térmico”.

4. Não durma com os fios molhados

Nos dias frios, os fios demoram mais a secar,  mas não durma com o cabelo molhado para evitar a dermatite seborreica, doença inflamatória caracterizada por lesões avermelhadas e descamativas no couro cabeludo.

Leia também: Dormir com o cabelo molhado faz mal para a saúde?

5. Diminua o uso do secador e outras ferramentas de calor

Exagerar no uso de secador, chapinhas e babyliss prejudica a saúde do couro cabeludo e ainda danifica o fio, deixando-o mais frágil e quebradiço. Isso, portanto, pode causar mais perda de cabelo. Além de moderar, nunca deixe de usar protetor térmico nos fios antes, pois ele age como uma proteção ao calor dessas ferramentas.

6. Use shampoo a seco apenas em emergências

“O shampoo a seco é uma solução paliativa para situações de emergência. É aquele recurso que te salva quando não dá para lavar os fios, mas não substitui a higienização, apenas serve para dar aquele help. Aliás, quando se utiliza o produto em excesso, ele pode até mesmo prejudicar a saúde dos fios”.

7. Não use toucas e gorros todos os dias

O uso exagerado de toucas e gorros bloqueia a respiração do couro cabeludo e pode aumentar a oleosidade da área, facilitando o aparecimento de disfunções, que podem ocasionar a queda. Evite, principalmente, se o cabelo estiver sujo.

Atenção ao volume de perda dos fios

Mesmo com todas as recomendações anteriores, Viviane ressalta que é importante prestar atenção à quantidade de cabelo perdida.

Se a queda dos fios for acentuada e te deixar alerta, é importante marcar uma avaliação capilar para investigar principalmente as causas do problema.

“A partir dessa etapa, o especialista faz um acompanhamento do tratamento proposto, que é totalmente personalizado e voltado para as necessidades do couro cabeludo e da fibra capilar”, ela explica.

“Sem deixar os cuidados básicos de lado, é possível ter um cabelo saudável durante o ano todo”, finaliza.

Fonte: Viviane Coutinho, tricologista do Rio de Janeiro.

Sobre o autor

Ana Paula Ferreira
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em beleza e bem-estar.

Leia também:

foto de folhas de citronela em uma bandeja de bambu
Bem-estar Casa Saúde

Planta citronela espanta mosquito da dengue?

A planta possui um óleo essencial desagradável para alguns insetos. Contudo, a citronela não deve ser a única estratégia para espantar o mosquito da dengue

ovo ajuda no ganho de massa
Alimentação Bem-estar

Aumentar o consumo de ovos ajuda no ganho de massa muscular?

Um adulto deve ingerir cerca de 1 a 3 ovos por dia, mas recomendação pode mudar dependendo individuais

Cinco habitos
Bem-estar Equilíbrio Saúde

Cinco hábitos indispensáveis para a saúde

Para iniciar uma mudança de comportamento, confira cinco atitudes simples para incorporar no dia a dia que trazem benefícios no futuro