Entenda porque ovo é saudável

2 de março, 2020

Ainda evitando ovo como parte de uma alimentação equilibrada? Nesse caso, você está perdendo. Enquanto uma fobia persistente em relação a esse alimento continua, prevalece o fato de que ovo é saudável. Não só, é um dos alimentos mais densos em nutrientes que existe.

Em uma unidade se concentram 13 vitaminas e minerais essenciais e seis gramas de proteína de alta qualidade, tudo por apenas 70 calorias.

Eles não são apenas deliciosos – também são fáceis de preparar. Seja mexido, cozido, em omelete, sozinho ou acompanhado, leia motivos para comer ovos todos os dias.

Fonte de proteína

Um ovo contém cerca de seis gramas de proteína. O que significa que comê-los proporciona saciedade. Também é especialmente bom para quem é vegetariano e procura fontes de proteína sem carne.

Rico em vitamina D

Você sabe, a vitamina do sol? Pode ser difícil obter o suficiente quando se trabalha em ambientes fechados o dia todo e se faz o possível para evitar o câncer de pele. Portanto, obtenha a vitamina – que é essencial para a saúde óssea, pois ajuda o corpo a absorver cálcio – dos ovos. Bônus: Os ovos também contêm outras vitaminas difíceis de encontrar, como B12 e K.

Leia também: Vitamina B12: Alimentos, para que serve e benefícios

Turbina o cérebro

Ovo é saudável para o cérebro por ser fonte de colina, um micronutriente usado para produzir um neurotransmissor importante para aprendizado e memória. Também está envolvida no ciclo de metilação, que afeta a energia e o humor, e demonstrou regular a inflamação. Por fim, a colina é essencial para as mulheres grávidas, pois é importante para o desenvolvimento do cérebro fetal e infantil.

Não prejudicam o colesterol

Sim, os ovos contêm colesterol. Mas, eles não aumentam os níveis de colesterol no sangue ou o risco de doença cardíaca. Portanto, evite gorduras trans e açúcar, e invista em um ovo mexido ou omelete. 

Protege a saúde cardiovascular 

O ômega-3 ajuda a manter as funções do coração saudáveis por meio do controle do colesterol no sangue. Da mesma forma, a colina também ajuda a quebrar a homocisteína, um componente associado a doenças cardíacas. 

Leia também: Gema de ovo no cabelo. Saiba se funciona

Sobre o autor

Redação
Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.