O que faz um tricologista e quando procurar o profissional

Beleza Bem-estar
25 de Outubro, 2021
O que faz um tricologista e quando procurar o profissional

Você já se perguntou o que faz um tricologista? A ciência estuda os fios de cabelo, o couro cabeludo e os pelos do corpo. A palavra surgiu em 1902 e veio da junção do grego thricos (cabelos) + logos (estudo). Saiba mais:

O que faz um tricologista?

O médico especialista da área, que é um profissional pós-graduado em tricologia, é capaz de identificar e tratar alterações na estrutura dos fios — por exemplo, queda e quebra, caspa ou infecções, além de doenças relacionadas.

Em caso de danos na medula, no córtex, na cutícula ou no cimento intercelular, o paciente deve realizar exames e ser encaminhado para um tratamento específico.

Leia também: Cuidados com os cabelos durante e depois dos treinos

Quando procurar o profissional

A calvície, também conhecida como alopecia androgenética, é o principal motivo de queixa nos consultórios. Isso porque além da predisposição genética, a queda de cabelo também pode esconder doenças potencialmente graves, como alterações de tireoide, anemia, psoríase, lúpus, entre outros. Existem diversos tipos de alopecias, e fatores internos e externos podem contribuir para a piora do problema.

Por outro lado, a areata é o tipo de alopecia mais comum e se caracteriza pela perda de tufos de cabelos, que caem em uma ou mais áreas. Gravidez, pós-parto, estresse, trauma e reações imunológicas, por exemplo, são fatores diretamente ligados às falhas visíveis na cabeça.

Já a tricorrexis nodosa é uma alteração da haste capilar e também pode ter causa genética ou de fatores externos. O uso excessivo de equipamentos de alta temperatura, como secador, chapinha ou babyliss, além do uso constante de produtos químicos, podem quebrar o fio ou impedir um crescimento saudável.

Por fim, os casos de coceira, vermelhidão e infecção no couro cabeludo são sinais de foliculite. A inflamação nos folículos pilosos chegam a formar bolhas de pus na cabeça, causando dor e incômodo. Além do eflúvio anágeno ou telógeno, quando acontece uma interrupção no crescimento ou uma perda elevada sem substituição, a caspa e a seborreia também aparecem na lista de problemas comuns entre os pacientes. A descamação do couro cabeludo pode ser seca ou úmida, e acontece quando há uma inflamação na região.

Leia também: 10 melhores óleos essenciais para o cabelo

O que faz um tricologista? Exames e tratamentos

A consulta tenta identificar o histórico familiar do paciente e os principais fatores que possam ter contribuído para a disfunção. Dessa forma, o uso inadequado de produtos, que pode ser tanto pela indicação incorreta ou pelo excesso, é um dos principais motivos de alterações capilares. A orientação do especialista e a mudança na rotina de cuidados podem minimizar reações e danos aos fios.

O tricologista pode solicitar alguns exames para investigar alterações no couro cabeludo ou no próprio organismo. Assim, com o diagnóstico em mãos, o médico deve sugerir técnicas associadas para um melhor resultado no tratamento de disfunções. Entre elas, microagulhamento, ozonioterapia, eletroterapia, fototerapia, fármacos, nutracêuticos e técnicas manuais para estimular o couro cabeludo.

Leia também: 6 sinais de que seu cabelo está caindo mais do que o normal

Proteja seus lábios no frio

Sobre o autor

Redação
Todos os textos assinados pela nossa equipe editorial, nutricional e educadores físicos.

Leia também:

lata de leite condensado cozida aberta com abridor
Bem-estar Casa

Doce de leite na air fryer dá certo? Pode explodir?

Uma receita de doce de leite na air fryer viralizou recentemente no TikTok. Mas será que realmente dá certo? Confira

foto de folhas de citronela em uma bandeja de bambu
Bem-estar Casa Saúde

Planta citronela espanta mosquito da dengue?

A planta possui um óleo essencial desagradável para alguns insetos. Contudo, a citronela não deve ser a única estratégia para espantar o mosquito da dengue

ovo ajuda no ganho de massa
Alimentação Bem-estar

Aumentar o consumo de ovos ajuda no ganho de massa muscular?

Um adulto deve ingerir cerca de 1 a 3 ovos por dia, mas recomendação pode mudar dependendo individuais