Metástase: o que é, causas, sintomas e tratamentos

Saúde
04 de Novembro, 2022
Metástase: o que é, causas, sintomas e tratamentos

Quando o câncer se dissemina para além do local onde começou, ele leva o nome de metástase. Muito se fala da condição, que causa preocupação em grande parte dos pacientes oncológicos, mas o que ela realmente significa? Abaixo, entenda o que é, suas causas, sintomas e tratamentos.

O que é a metástase?

De acordo com a oncologista Carolina Martins Vieira, a metástase é uma invasão feita por células cancerígenas a outros órgãos do corpo de um indivíduo que, inicialmente, apresentava neoplasia (câncer) em apenas um órgão.

“Por exemplo: a paciente teve um câncer que se originou como um nódulo na mama, mas algumas destas células atingiram a corrente sanguínea e foram levadas até o fígado, onde se instalaram”, explica a médica. Ou seja, esse trânsito das células cancerígenas pela corrente sanguínea possibilita a formação de cânceres em outros lugares do corpo.

Cada tipo de tumor tem características de localização e comportamento diferentes, então pode produzir metástases em vários órgãos com frequências distintas, segundo a especialista. 

“Para o câncer de mama, os gânglios linfáticos, o fígado, os ossos, o cérebro e o pulmão podem ser sítios de metástases. No caso do câncer do intestino, os gânglios linfáticos, o fígado e o peritônio vão ser os principais locais de surgimento de metástase. No câncer de próstata, os ossos são os mais acometidos”, diz. 

Leia também: Câncer de mama: sintomas, tipos e tratamentos

Causas

A especialista explica que os tumores malignos (cânceres) conseguem invadir tecidos ao redor do local onde surgem. Assim, o processo pode ocorrer desde a fase inicial do desenvolvimento dos tumores, mas acontece com mais frequência nas fases mais avançadas da doença. 

“Existem alguns fatores que indicam o potencial de um câncer de se tornar metastático. Para que uma célula cancerígena consiga se deslocar para outra parte do corpo, informações como grau do tumor primário, tipo, tamanho e localização são relevantes”, ressalta. 

Sintomas da metástase

Os sintomas dependem do local onde as células cancerígenas se instalaram. Entretanto, em metástases nos ossos, os pacientes podem sentir dores e alterações nos níveis de cálcio no sangue. Já em metástases cerebrais, a pessoa sofre com alterações na visão, dores de cabeça e vômitos.

Tratamento

“Na maioria dos casos, quanto mais inicial um câncer, menor a chance de desenvolver metástases. Daí a importância de exames de rastreamento, como colonoscopia e mamografia, e do diagnóstico precoce”, alerta a médica. 

Assim, o tratamento varia de acordo com a característica do tumor primário. Dessa forma, depende do local onde surgiu o primeiro câncer. Na maioria dos casos, as metástases são tratadas por terapias como:

  • Quimioterapia;
  • Imunoterapia;
  • Hormonioterapia;
  • Terapia-alvo;
  • Radioterapia. 

“Ao contrário dos cânceres primários, os tumores metastáticos são mais difíceis de terem tratamento por meio de procedimentos cirúrgicos. Mas quando essa abordagem é indicada, é chamada de metastasectomia. Tão ou mais importante do que o tratamento focado no controle das metástases do câncer é o controle dos sintomas apresentados pelo paciente, realizado em conjunto com a equipe de cuidados paliativos”, explica a oncologista Carolina Martins Vieira.

A metástase tem cura?

A condição não tem cura, contudo, hoje em dia é possível transformar esse tipo de câncer em uma doença crônica, mantendo assim a qualidade de vida dos pacientes, conforme conta a médica. 

Como lidar com o diagnóstico?

Receber o diagnóstico de metástase não é nada fácil. A doença causa medo, pois tem alto impacto físico e psíquico. Dessa forma, a especialista conta que uma abordagem multidisciplinar, incluindo a participação de médicos, enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, nutricionistas, odontologistas, fonoaudiólogos e terapeutas ocupacionais, é extremamente importante. “Além disso, buscar apoio da família e de entes queridos é essencial’, completa. 

Fonte: Carolina Martins Vieira, oncologista.

 

Sobre o autor

Gabriela Ferreira
Jornalista e Repórter da Vitat.

Leia também:

mulher se consultando com um médico
Bem-estar Saúde

Preparação para a bariátrica vai além dos exames e envolve mudanças de vida

Antes de entrar no centro cirúrgico, o candidato à cirurgia bariátrica percorre um caminho de preparação que promete mais do que a perda de peso: uma

tempo em frente às telas
Alimentação Bem-estar Equilíbrio Saúde

Maior tempo em frente às telas está associado à piora da dieta de adolescentes

Pesquisa brasileira avaliou dados de 1,2 mil adolescentes e constatou que a maioria gasta mais de 2 horas de tempo em frente as telas

corredor abaixado segurando a perna aparentemente com dor
Bem-estar Movimento Saúde

Será que eu estou com canelite? Médico destaca principais sinais

A condição é uma das principais preocupações entre os corredores. Ortopedista explica como identificar os sintomas característicos da canelite