Joanete: o que é, causas, sintomas e tratamento

Bem-estar Movimento
27 de Setembro, 2022
Joanete: o que é, causas, sintomas e tratamento

Provavelmente você já ouviu falar sobre o joanete e o quanto costuma ser muito doloroso. Assim, cerca de 30% da população possui algum grau de deformidade dessa patologia. Inclusive, costuma ser 10 vezes mais comum entre as mulheres. 

Recentemente, a influenciadora e empresária Zilu Godoi compartilhou com seus seguidores no Instagram que precisou fazer uma cirurgia de remoção de joanetes nos pés. Na sequência de stories, Zilu conta que tinha joanetes nos dois pés, o que a impedia de “usar sapatos fechados e tênis”.

O que é joanete?

O joanete consiste em uma deformação que afeta os dedos dos pés, principalmente o primeiro (dedão). De acordo com a Dra. Ana Paula Ferreira, Professora Instrutora e Mestre em Ortopedia e Traumatologia, ocorre quando o primeiro metatarso se desvia para o lado interno do pé, e a falange para o lado externo. Isso gera um ângulo conhecido como hálux valgo.

Dessa maneira, o problema causa um “calombo” na articulação e o dedo sofre um desvio em direção aos demais. Consequentemente, as estruturas do pé ficam sobrecarregadas. 

Sintomas do joanete

Os sintomas podem variar entre cada pessoa, mas os principais incluem:

  • Dor ao caminhar, de moderada a intensa;
  • Dor no bunio, lateral onde o osso fica saliente;
  • Sensação de queimação no dedo;
  • Inchaço do dedo afetado;
  • Vermelhidão.

Causas do joanete

Segundo a Dra. Ana Paula, o joanete não possui uma causa específica. Mas o uso de sapatos inadequados, com salto muito alto ou apertados, por exemplo, pode contribuir. Fatores genéticos também podem contribuir para o desenvolvimento dessa condição. Além disso, doenças autoimunes e metabólicas, como a artrite reumatoide e gota, e alterações neurológicas (AVC, paralisia cerebral e trauma vertebromedular), tem um papel na incidência do joanete.

Tratamento

O tratamento para o joanete inclui várias abordagens para aliviar os sintomas e trazer mais conforto para o paciente. A médica entrevistada indica usar sapatos confortáveis, com o cabedal anterior arredondado, e evitar salto alto. Além disso, se você tem o problema, lembre-se de fazer check-up médico pra avaliação de doenças, ter uma alimentação saudável e praticar exercícios físicos.

“Uma vez que você, a tendência é ficar com a deformidade. Você tem que prevenir fazendo o fortalecimento da musculatura intrínseca para viver com um pouco mais de conforto. Hoje a gente tem dias percutâneas de correção que são técnicas minimamente invasivas”, ressalta a Dra. Ana Paula.

Especialidades envolvidas no tratamento do joanete

Perguntas frequentes

A ortopedista respondeu sobre algumas dúvidas frequentes abaixo:

1) Usar sapato apertado causa joanete?

Como dito anteriormente, sim. O sapato ajuda na manutenção e deformação, por conta da forma do nosso pé, que geralmente é quadrado, e a maioria dos sapatos são triangulares. É como se tentasse colocar uma um quadrado dentro de um triângulo, ou seja, um dos dois acabam se deformando.

2) É possível tratar sem cirurgia?

A cirurgia só é indicada em casos graves, quando outros tratamentos não foram eficazes e quando existe dor intensa.

Como prevenir o joanete

  • Escolha o modelo que mais lhe agrada considerando que ele deve ter a ponta larga; “quadrados” ou “redondos”, que dão maior estabilidade à marcha, evitando quedas;
  • Se for de salto, não ultrapassar 3 cm. Dê preferência aos tipos “anabela”, pois distribuem melhor a pressão;
  • Nos tênis: dê espaço entre a ponta dos dedos e a frente, isso é preciso para que eles se desprendam do solo durante a marcha ou corrida;
  • Troque os calçados diariamente, evitando atrito num ponto único na pele (bunion);
  • Não acredite que o sapato irá lacear com o uso. Ele deve estar confortável já na hora da compra.

Outras formas de prevenção

Escalda-pés para tratar joanete

O escalda-pés é uma ótima opção para tratar o joanete e aliviar os sintomas causados por ele. Basicamente, você deve mergulhar os pés em uma bacia com água quente e 2 colheres de sal grosso ou ervas relaxantes, como a camomila. Dessa maneira, fique por cerca de 20 minutos.

Lembre-se de que a temperatura da água deve estar quente, mas de forma que não queime a pele. 

Leia também: Quais os cuidados que devemos ter com os pés no verão?

Ter uma alimentação saudável

Ingerir alimentos saudáveis é muito importante, pois o joanete acaba enfraquecendo os ossos e as articulações. Portanto, ingerir nutrientes específicos para eles melhora sua saúde, minimiza o problema e evita que ele se agrave. Assim, opte por ter os seguintes alimentos no seu cardápio:

Use separador de dedos

O separador de dedos é fundamental para evitar que o joanete apareça ou piore. Dessa forma, antes de deitar na cama para dormir, coloque-o entre o dedão e o segundo dedo.

Exercícios para joanete

Existem alguns exercícios que podem ajudar a reduzir as dores do joanete. Então, veja abaixo quais são:

  • Primeiro: Estenda uma toalha no chão e faça movimentos com os os dedos dos pés, trazendo ela para si. Repita várias vezes;
  • Segundo: Sente-se com as pernas esticadas. Em seguida, estique uma das pernas, levantando o pé, e faça movimentos rotatórios com o dedão do pé —no sentido horário e anti-horário — por 15 vezes;
  • Terceiro: Coloque um elástico entre um dedão e outro, e faça movimentos de abrir e fechar os dedos, ou de adução e abdução. Repita os movimentos cerca de 20 vezes por dia.

Fonte

Dra. Ana Paula Ferreira, Professora Instrutora e Mestre em Ortopedia e Traumatologia e Médica Assistente do grupo de traumatologia do esporte pela Santa Casa de São Paulo; Especialista em Medicina Esportiva e presidente da Sociedade Paulista de Medicina do Esporte.

Sobre o autor

Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.

Leia também:

Dia dos Pais fondue saudável
Alimentação Bem-estar Receitas

Fondue saudável: confira algumas substituições mais equilibradas!

Quando as temperaturas caem, uma noite de fondue é uma excelente pedida

chocolate quente fit
Alimentação Bem-estar

Chocolate quente fit é opção saudável para festa junina. Veja receitas!

Nessa época, algumas comidas ganham protagonismo, como caldos, bebidinhas quentes e doces típicos. Veja como fazer um chocolate quente fit!

Por quanto tempo devo tomar ômega
Alimentação Bem-estar

Por quanto tempo devo tomar Ômega 3?

Muitas pessoas se perguntam: Por quanto tempo devo tomar ômega 3? Veja recomendações importantes sobre o consumo prolongado