Frio aumenta risco de lesões em atividades físicas

Bem-estar Movimento
11 de Julho, 2022
Frio aumenta risco de lesões em atividades físicas

Você sabia que o frio pode aumentar o risco de lesões durante os exercícios físicos? De acordo com Matheus Vianna, personal e criador do método “treinando sem dor”, a resposta do organismo é diferente em temperaturas mais altas.

As lesões musculares surgem, pois, no frio, o tecido muscular costuma ser mais rígido e propenso a danos. Por isso, é fundamental aquecer adequadamente seus músculos em condições atípicas.

Como o corpo faz um esforço mais concentrado para se manter aquecido, os músculos podem não dar a flexibilidade necessária para a prática de atividade física. “Consequentemente, a tensão começará a se instalar em todo o corpo à medida que o clima frio continua a fazer os músculos perderem calor e se contraírem”, ressalta o profissional. Dessa forma, articulações que necessitam de mais mobilidade, restringem-se a amplitude de movimento normal dos músculos, tornando-os mais suscetíveis a rupturas ou distensões.

Segundo o médico do esporte e endocrinologista, professor Dr. Guilherme Renke, o frio prejudica a capacidade de o corpo funcionar de forma eficiente. Durante essa época do ano, o corpo fará o que for preciso para garantir que sua temperatura corporal central seja consistente, permitindo que os músculos dos membros percam mais calor, limitando o fluxo sanguíneo para eles. Este processo de regulação interna aumenta os riscos de lesões, principalmente nos músculos das pernas e braços.

“O que eu recomendo é o uso de algumas suplementações pré-treino que fazem a vasodilatação e aumentam esse fluxo da chegada de nutrientes e oxigênio. Assim, o indivíduo realiza o treinamento dele aquecido. Vale frisar que o mais importante é o pós-exercício, ou seja, ele precisa se agasalhar, já que a queda bruta de temperatura após o treino pode ocasionar lesões”, finaliza o médico.

Estes são quatro dos grupos musculares de maior risco em condições de frio:

Risco de lesões em atividades físicas: joelhos

À medida que os músculos e tecidos ao redor do joelho se tornam mais rígidos e menos lubrificados em condições de frio, os ligamentos do joelho se tornam mais vulneráveis a rupturas e distensões. Por exemplo, as lesões do ligamento cruzado anterior estão entre as lesões de esqui e corrida em montanhas mais comuns porque os ligamentos do joelho já são suscetíveis a lesões no frio caso não estejam preparados para baixas temperaturas.

Leia também: Como evitar dores ao correr no frio

Risco de lesões em atividades físicas: ombros

Uma articulação do ombro mal aquecida não terá a amplitude de movimento necessária para um bom desempenho sem distender ou sobrecarregar os músculos, tendões e ligamentos ao redor. Lesões no ombro, como uma ruptura do manguito rotador, por exemplo, são mais prováveis de acontecer quando os tendões ao redor da cavidade do ombro não estão quentes o suficiente para mover facilmente o braço.

Quadris

Como sua maior articulação de sustentação de peso, o quadril precisa de um aquecimento completo para funcionar sem danificar os ligamentos. Assim, a rigidez excessiva do frio pode levar a uma grande lesão no quadril, como uma lesão labral.

Cotovelos

Como uma articulação menor, o cotovelo é especialmente suscetível a distensões e outras lesões. Por isso, cotovelos rígidos não terão a flexibilidade necessária para evitar a superextensão e estresse nos tendões e ligamentos de suporte.

“Além de lesões graves, é normal sentir-se mais dolorido do que o normal após o exercício em temperaturas mais baixas. Como o clima frio pode vir a forçar seus músculos a trabalharem mais para completar as mesmas tarefas que poderiam realizar em climas mais quentes, os tecidos musculares ficam mais danificados no frio, trazendo dor”, completa Matheus.

Fontes

Matheus Vianna, personal trainer e criador do método “treinando sem dor”.

Professor Dr. Guilherme Renke, sócio fundador da Nutrindo Ideais (@nutrindoideais), endocrinologista e médico do esporte.

Sobre o autor

Julia Moraes
Jornalista e repórter da Vitat. Especialista em fitness, saúde mental e emocional.

Leia também:

ator Cauã Reymond segurando um garfo e uma faca e usando um babador
Alimentação Bem-estar

Cauã Reymond mostra jantar saudável com sopa, frango e legumes

Ator compartilhou em suas redes socais o que comeu na noite de Dia dos Namorados (12/06). Confira o jantar de Cauã Reymond

personal ajudando aluno a fazer o exercício crucifixo inclinado na academia
Bem-estar Movimento

Crucifixo inclinado: como fazer corretamente para evitar dores

A posição do banco no crucifixo inclinado faz com que o exercício enfatize bem os músculos do peitoral. Confira o passo a passo

criança nadando na piscina
Bem-estar Movimento

Crianças podem (e devem) fazer natação no inverno!

Prática deve ser contínua mesmo no frio, pois aumenta imunidade e o gasto calórico. Veja os benefícios da natação no inverno para as crianças!